Buscar
  • Da redação

Mais um ladrão é pego à unha durante ação criminosa


Na sexta-feira (14), uma comerciante, ao perceber que sua loja tinha sido furtada, correu atrás do ladrão e algumas quadras adiante o dominou até a chegada da polícia.

Na noite de ontem, por volta das 19h30, outro ladrão foi pego à unha em plena ação. O desocupado Mário Luiz da Silva, de 35 anos, arrombou a janela de uma residência na Rua Santa Cecília, Chácara São Carlos, na Zona Oeste da cidade.

Ao invadir o imóvel, o ladrão foi surpreendido pelo casal residente no local, Natanael Dionísio e Amanda Silva Dionísio. O dono da casa conseguiu segurar o larápio, enquanto a esposa dele acionou a polícia. Mário Luiz disse aos policiais que "não sabia o que estava fazendo no local" e nem se lembrava como chegou lá.

Ele foi preso e encaminhado à CPJ (Central de Polícia Judiciária) onde foi autuado em flagrante por tentativa de furto e invasão de domicílio.

O CASO DA COMERCIANTE

A comerciante Circe da Silva, de 44 anos, ficou revoltada ao perceber que um ladrão havia invadido sua loja de roupas femininas, no Bairro Santa Antonieta, na Zona Norte da cidade. O elemento Silvio Vigiatti Santana, de 38 anos, em posse de uma barra de ferro, estourou a porta de blindex do estabelecimento, localizado na Rua João Dal Ponte, adentrou a loja e fugiu levando 24 blusas, 10 calças e 10 bermudas. As mercadorias foram avaliadas em cerca de R$ 2 mil.

Ao notar o roubo, a comerciante saiu correndo atrás do ladrão, entrou em luta corporal e conseguiu segurá-lo algumas quadras de distância da loja, na Rua Américo Capelozza. Populares acionaram a Polícia Militar e quando a viatura chegou ao local, a mulher ainda dominava o ladrão.

Com cortes no braço, provocados pelos estilhaços da porta de blindex quebrada, o elemento foi conduzido para atendimento médico e depois atuado em flagrante por furto qualificado na CPJ (Central de Polícia Judiciária).

#ladrãopegoaunhamarilia

1 visualização0 comentário