Buscar
  • Da redação

Pessoas que compraram ingressos para o show de Zezé di Camargo & Luciano, cancelado, reclamam de


Show da dupla Zezé di Camargo & Luciano foi cancelado e muita gente que comprou ingressos reclama

que ainda não recebeu o dinheiro de volta

Muitas pessoas que compraram ingressos para o show da dupla Zezé di Camargo & Luciano, que deveria ter sido realizado no último dia 8 de dezembro (feriado municipal) no Espaço T, em Marília, estão reclamando que ainda não receberam valores da compras de volta, já que o evento foi cancelado pela produção.

"Foram vendidos cerca de 350 ingressos, incluindo mesas e camarotes. A maioria das pessoas que compraram ingressos para o setor de pista e área vip já recebeu o dinheiro de volta, conforme o pessoal combinou no Procon", disse ao JP o promotor de eventos Marcos Gagliatto, que atuou na divulgação do evento.

"A realização do show ficou a cargo de empresas de fora, Bastos e Iacri. Pessoal da Revista Perfil Prime. Eu atuei como parceiro na locação do espaço onde seria realizado o show e na divulgação, na mídia. O Procon deverá nos próximos dias notificar nos próximos dias todas as empresas responsáveis para uma reunião, para definir o esquema de devolução do dinheiro do restante de quem comprou principalmente mesas e camarotes", disse Marcos.

Ele afirmou que até o dia 21 passado, foram feitas devoluções de dinheiro a quem comprou ingressos e recorreu ao Procon. "Mas, depois desse dia, parou tudo. Deve voltar na semana que vem", comentou. "A previsão para outras devoluções devem ocorrer a partir do dia 15 de janeiro", completou.

O promotor de eventos mencionou ainda que parte dos valores arrecadados com a venda de ingressos, camarotes e mesas deve ter sido destinada para aos produtores da dupla Zezé di Camargo & Luciano.. "Eu não tive acesso ao contrato, mas geralmente metade do valor do show (neste caso R$ 160 mil) é pago antecipadamente aos produtores dos artistas. Em caso de cancelamento do evento, tem uma multa e eles devolvem o restante. Geralmente é assim", explicou Gagliatto.

Os ingressos para pista foram vendidos a R$ 40, camarote individual a R$ 70 e camarote empresarial para 10 pessoas a R$ 1.300,00. As mesas eram vendidas com preços de R$ 600 a R$ 2 mil, dependendo dos setores dentro do Espaço T.

O JP tentou contato com outro número de celular que constava nos materiais de divulgação do show, mas as ligações cairam na caixa postal, foram deixados recados, mas não houve retorno.

-


6 visualizações0 comentário