Buscar
  • Da redação

Canais de tv a cabo amanhecem fora do ar e com informe da NET dizendo que "encerrou a veiculaçã


O Canal 9 e o Canal 13 (TV Sol), que funcionam via cabo em Marília, amanheceram nesta quinta-feira (1°) com tarjas da operadora NET na tele, comunicando que os mesmos haviam "encerrado suas atividades".

O diretor do Canal 9, Cassiano Ramos, disse ao JP que trata-se apenas de um problema corriqueiro e que nos próximos 20 minutos (a partir das 10h05) o sinal estará restabelecido.

"O pagamento do Canal para a NET pode ser feito até o último dia do mês. Fizemos o pagamento, mas a certificação do mesmo pela NET ainda não ocorreu devido aos prazos de compensação bancária. Um trâmite normal, que em algumas ocasiões provocam esses informes em canais de tv a cabo aqui da cidade", explicou.

A NET cobra cerca de R$ 16 mil mensais de cada canal de tv a cabo da cidade (são quatro, mas a TV Comunitária é isenta do pagamento) para manter os sinais e as respectivas programações no ar.

Cassiano disse que o Canal 9 se mantém com apoio de anunciantes e parceiros. "Estamos no ar há mais 15 anos com uma grade de programação atrativa e com ótima audiência. Somente no mês de janeiro, registramos mais de 800 mil acessos ao Canal via internet e a média diária é de 4 mil acessos direto na programação ao vivo, pela internet. O Canal 9 é um dos canais líderes de audiência na grade da NET", disse o diretor da tv.

A TV Sol também amanheceu com o mesmo "informe" na tela, mas o JP não localizou nenhum diretor da emissora para comentar o assunto. O Canal pertence ao prefeito Daniel Alonso.

Pela operadora Life os sinais seguem normais.


28 visualizações0 comentário