Buscar
  • Da redação

Presidente de associação de moradores protocola representação e pedido de afastamento do vereador Jo


João do Bar e Altair Vieira (à direita) em evento recente, com o prefeito Daniel Alonso

O presidente da A-Socianorte, Altair Vieira, protocolou na tarde de hoje (28), na Câmara Municipal, uma representação contra o vereador João do Bar (PHS), cumulado com pedido de liminar para afastamento do parlamentar do cargo. O pedido é de formação de Comissão Processante (CP) para investigar e, dependendo dos resultados, cassar o edil. A abertura da CP depende de aprovação pelo plenário da Câmara Municipal.

Ele disse que maiores detalhes serão apresentados em coletiva à imprensa na Câmara Municipal, às 16h.

Uma das questões seria um débito do vereador junto ao Daem e a não instalação de hidrômetro em um imóvel de sua propriedade, na Zona Norte. "Imóvel que tem pisicina e ele lava todos os dias", disse Altair.

O vereador, que esteve no gabinete do prefeito Daniel Alonso nesta tarde, disse ao JP que não há nenhuma irregularidade em seus atos e conduta. "Esse sujeito (Altair) me persegue desde que assumi o cargo, querendo que eu nomeasse ele em algum cargo na Prefeitura. "São interesses políticos e politicagem que ele está criando para se promover na mídia e tentar me prejudicar, já que políticos para quem ele trabalhou não foram eleitos Sou homem para assumir e honrar os meus compromissos. Estou tranquilo, minha preocupação maior é continuar trabalhando pela população, meus eleitores", afirmou.

Existe inclusive, um Boletim de Ocorrência policial que Altair registrou contra o vereador, recentemente, por supostas ofensas e ameaças.

Os termos da representação já foram encaminhados ao Ministério Público Estadual. O suplente de João do Bar é o Fábio Paçoca, que obteve 1.012 votos.


2 visualizações0 comentário