Buscar
  • Da redação

Idoso cita travesti de "seios" médios/grandes em relato de furto de carteira. Em outro cas


Um caso inusitado foi registrado na CPJ, em Marília, neste final de semana. O idoso D.D.S, de 62 anos, relatou que "estava em um bar na Rua Ernesto Topan, no Jardim Adolpho" , no final da madrugada de sábado (21), "quando conheceu um homem e uma travesti branca, cabelo comprido preto, "seios" médios/grandes".

O idoso disse se recordar de cicatriz ou tatuagem. Falou que deu carona para o homem, "seno que combinaram de ir na casa deste e o homem, o qual não sabe o nome, mas tinha cabelo preto pele branca. Dando carona ao rapaz, repentinamente foi agredido, enquanto estava na garupa e o rapaz subtraiu sua carteira, a qual continha cartão do Banco do Brasil, que estava com senha".

As frases entre aspas acima, foram descritas desta forma no B.O, com o delegado plantonista ressaltando que a vítima estava confusa e embaraçada.

BEBEU NO BOTECO DORMIU COM TRAVESTI E TEVE CARTEIRA E BOTAS FURTADAS

Um lavrador de 45 anos, compareceu na CPJ em janeiro deste ano, para relatar que foi vítima de furto por um travestí. O rolo foi na madrugada, em Marília. Ele disse que esteve em um bar na Zona Sul de Marília, onde tomou cachaça.

No local, chegou um travestí e eles começaram a conversar e beber juntos. Em seguida, decidiram sair para um programa em um local ermo.

Após o rala e rola, o lavrador pegou no sono. Quando acordou, descobriu que o "traveco" havia sumido com sua carteira e com todo o pagamento que tinha recebido e até a sua botina. Em estado de pós-embriaguez e descalço ele foi prestar queixa na CPJ.

"ELE REBOLAVA MUITO", DIZ RAPAZ ASSALTADO POR TRAVESTI

O auxiliar de cozinha, Alysson Basílio dos Santos, de 21 anos, compareceu na CPJ, em agosto do ano passado,, relatando que caminhava pela Rua 9 de Julho, na área central da cidade, quando um elemento encostou um objeto como se fosse um revólver em suas costas e o obrigou a entregar a carteira. Disse que o sujeito estava sujo e cheirando mal.

Alysson afirmou que ao observar o ladrão fugindo em direção à linha férrea, percebeu que tratava-se de um travesti, pois o elemento "rebolava muito". Na carteira havia apenas documentos.


88 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Twitter - White Circle
Anuncie aqui!!!
14 99797-5612

© 2017 por "JP. Povo