Buscar
  • Da redação

Ação eficiente e trabalho investigativo da PM resultam na prisão de elemento que praticou roubos em


Trabalho minucioso e investigativo de policiais militares, resultaram na prisão do prestador de serviços Rodrigo Guimarães, de 33 anos, residente no Bairro Palmital, na Zona Norte de Marília, foi preso em flagrante na tarde desta terça-feira (21), após praticar vários roubos em estabelecimentos comerciais.

Ele utilizava a própria motocicleta nas ações criminosas. Após praticar roubo em uma loja de artigos religiosos, na Rua Campos Salles, área central da cidade, ele teve os números da placa da moto anotados por testemunhas.

Quando atendiam a ocorrência da tentativa de roubo na loja do centro, os PMs receberam informações que outro roubo estava acontecendo numa loja na Avenida Durval de Menezes, na Zona Sul.

Com a identificação da motocicleta em mãos, descobriram que tratava-se do mesmo autor. Na fuga, ele deixou cair uma faca de cozinha utilizada nos ataques. Uma viatura da PM chegou a tentar interceptar o ladrão com a moto, mas ele fugiu.

Pelo cadastro do Detran, os policiais conseguiram levantar o endereço e uma foto do suspeito. A foto foi apresentada às vítimas, que reconheceram o dono da moto como autor dos crimes.

No endereço indicado pelo Detran, a casa estava vazia, mas vizinhos disseram que o ex-morador trabalhava numa loja localizada na Avenida República. Os policiais foram até o local e receberam informações sobre o endereço do suspeito, na Rua Inconfidência.

Fizeram campana pelo local, até que o suspeito aproximou-se. Ao notar a presença da polícia, ele tentou fugir, mas acabou abandonando a motocicleta e correndo para a residência, onde foi abordado e preso.

Quando registravam a ocorrência, os PMs tomaram conhecimento de outro roubo praticado contra uma padaria, na Zona Oeste da cidade e ao analisarem imagens de câmeras de segurança, constataram que tratava-se do mesmo elemento. Ele confessou a autoria do crime.

O prestador de serviços relatou aos policiais que é viciado em cocaína e os dinheiro que ganha com "bicos" não dá para sustentar o vício. Disse que, desta vez, praticou os roubos por ter ficado com vergonha de não ter dado presente de aniversário para sua filha de 10 anos e queria comprar algo.



















44 visualizações0 comentário