Buscar
  • Da redação

Moça de 28 anos é a 12ª vítima de suicídio em Marília, este ano. Cidade deve receber unidade do CVV


A técnica em enfermagem, Thuane dos Anjos, de 28 anos, foi encontrada morta no quarto da casa onde morava, no Jardim Maracá, na Zona Norte de Marília. Familiares encontraram a jovem sobre a cama e ao lado do corpo havia uma seringa e uma ampola. Ela tinha uma marca de aplicação no antebraço esquerdo.

O SAMU foi acionado e constatou a morte.

Thuane deixa uma filha de 3 anos. Ela atuava em um hospital particular em Marília e também em Pompéia, onde nasceu e residem seus pais. O caso ganhou grande repercussão nas redes sociais.Thuane será sepultada em Pompéia.

Foi o 12° caso d suicídio registrado este ano em Marília. No ano passado foram 20 e Marília é a cidade com o maior índice de suicídios do Estado;

CVV EM MARÍLIA

No próximo dia 9 (quinta-feira), acontecerá na Câmara Municipal uma reunião para discutir a instalação de uma unidade do Centro de Valorização da Vida (CVV) em Marília. O serviço já funcionou aqui na cidade há cerca de 30 anos (na antiga Rodoviária na 24 de Dezembro).. Agora, a unidade do CVV poderia ser instalada também em uma das muitas salas da Rodoviária.

O CVV funciona 24h com voluntários, oferecendo conselhos e ajuda psicológica para pessoas em depressão ou sob risco de suicídio, pelo telefone 188, e-mail, chat e Voip

CVV

O CVV — Centro de Valorização da Vida, fundado em São Paulo, em 1962, é uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica, reconhecida como de Utilidade Pública Federal, desde 1973. Presta serviço voluntário e gratuito de apoio emocional e prevenção do suicídio para todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo e anonimato.

A instituição é associada ao Befrienders Worldwide, que congrega entidades congêneres de todo o mundo, e participou da força tarefa que elaborou a Política Nacional de Prevenção do Suicídio, do Ministério da Saúde, com quem mantém, desde 2015, um termo de cooperação para a implantação de uma linha gratuita nacional de prevenção do suicídio.

A linha 188 começou a funcionar no Rio Grande do Sul e, em setembro de 2017, iniciou sua expansão para todo o Brasil, que será concluída em 30/06/2018, com a integração de todos os estados.

Os contatos com o CVV são feitos pelos telefones 188 (24 horas e sem custo de ligação), pessoalmente (nos 93 postos de atendimento) ou pelo site www.cvv.org.br, por chat e e-mail. Nestes canais, são realizados mais de 2 milhões de atendimentos anuais, por aproximadamente 2.400 voluntários, localizados em 19 estados mais o Distrito Federal.

Além dos atendimentos, o CVV desenvolve, em todo o país, outras atividades relacionadas a apoio emocional, com ações abertas à comunidade que estimulam o autoconhecimento e melhor convivência em grupo e consigo mesmo. A instituição também mantém o Hospital Francisca Julia que atende pessoas com transtornos mentais e dependência química em São José dos Campos-SP.



628 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Twitter - White Circle
Anuncie aqui!!!
14 99797-5612

© 2017 por "JP. Povo