Buscar
  • Da Assessoria

Unimar participa da 6ª Semana Nacional de Educação Financeira



A Universidade de Marília (Unimar) integrou a 6ª Semana Nacional de Educação Financeira proporcionando aos colaboradores uma jornada de conhecimento, com orientações sobre organização do orçamento familiar, voltado principalmente aos que precisam sair da inadimplência e para quem não está endividado, mas não consegue poupar para situações de emergência.

A Semana Nacional de Educação Financeira (Semana ENEF) foi criada pelo Comitê Nacional de Educação Financeira (CONEF) visando disseminar o conhecimento sobre finanças, fatores previdenciários e de seguros, além de contribuir como o fortalecimento da cidadania e autonomia.

A Unimar participa pelo segundo ano consecutivo desta ação, apresentando metodologias com planejamento de gastos e investimentos. De acordo com a Psicóloga Organizacional da Unimar, Silvana Lusia Navas Pires, o controle do orçamento familiar resulta na qualidade de vida. “Através desta jornada queremos estimular os colaboradores a refletir sobre o orçamento, consumo e planejamento, de modo que eles percebam que a qualidade de vida muitas vezes está relacionada às questões financeiras, porque acumular dívidas reflete no equilíbrio pessoal e familiar”, explica.

Um dos palestrantes foi o docente da Unimar, Élcio Laiter. Ele ressaltou que o crescimento profissional também pode ser afetado pelo endividamento. “A maioria das pessoas não tiveram contato com a educação financeira e atualmente passam por complicações orçamentárias. Estes problemas resultam no dia a dia profissional, porque elas não conseguem dormir direito, ficam nervosas e não conseguem produzir, atrapalhando seu crescimento na empresa. Queremos ajudar os inadimplentes a sair desta condição e ter uma vida mais saudável”, conta.

A docente Marisa Rossignoli também participou da Semana Nacional. Para ela, é preciso que os colaboradores entendam que o endividamento não é saudável. “Precisamos conscientizar nossos colegas de trabalho que é necessário ter um orçamento planejado, evitar o endividamento e começar a poupar para curto e longo prazo. Queremos que todos reflitam, para que consigam se reorganizar, quitar seus débitos e começar a guardar dinheiro para emergências, ou para um desejo de consumo, mas que consigam avaliar que é possível através do planejamento financeiro pagar as contas mesmo com dificuldades”, conta.

A colaboradora do setor de Limpeza e Conservação da Unimar, Tânia Cristina de Oliveira, mostrou como o planejamento ajuda na conquista dos sonhos. “Aprendi através das orientações dos docentes a me organizar antes de cada gasto e consegui conquistar meu sonho de ter um carro. Para isso, revi minhas despesas, vendi minha moto e procurei um financiamento com baixa taxa de juros e com parcelas que cabem no meu orçamento. Estou realizada”.comemora.



2 visualizações0 comentário