Buscar
  • JCnet-Bauru

Mulher que enviou bombons envenenados para ex-companheira do marido pega 33 anos de cadeia. Vítima d


O Tribunal de Júri condenou, no final da noite desta quinta-feira (5), a 33 anos e 4 meses de prisão, em Jaú (47 quilômetros de Bauru), Janaína Caldeira Nunes, 37 anos, que enviou de presente bombons com chumbinho para a ex-mulher do seu companheiro, que ainda dividiu o presente com os filhos de 2 e 6 anos, na época. O crime aconteceu no dia 28 de setembro de 2016.

Ela vai cumprir a sentença inicialmente em regime fechado. A defesa informou que vai recorrer. Foi negado a Janaína aguardar o recurso em liberdade.

A ré é acusada de quase provocar a morte de uma ajudante geral de 33 anos e de seus dois filhos. Os bombons envenenados foram divididos pela mãe com as crianças e todos passaram mal e foram internados.

Por conta da suspeita de envenenamento, a Polícia Militar (PM) foi acionada pela equipe de plantão e a ocorrência foi apresentada na Central de Polícia Judiciária (CPJ).

A Polícia Civil passou a tratar o caso como tentativa de homicídio e, após investigações e diligências, equipes da DIG e Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) descobriram que os bombons haviam sido entregues na residência por um mototaxista a pedido da então companheira do ex-marido da vítima.

Na CPJ, ela confessou o crime e disse que tinha como objetivo matar apenas a ajudante geral, por quem o namorado demonstrava nutrir ainda algum sentimento, e não as crianças.












28 visualizações0 comentário