Buscar
  • Da redação

Prefeito Daniel Alonso fica omisso e força aumento de quase 30% nos salários dos vereadores


O Diário Oficial do Município desta quinta-feira (9), publicou a promulgação do projeto de lei aprovado pela Câmara na sessão do dia 9 de dezembro, que determinou reajuste de 29% nos salários dos vereadores para a próxima legislatura.

A promulgação ocorre porque o prefeito Daniel Alonso (PSDB), que tinha como vetar o projeto de reajuste, lavou as mãos e não se manifestou. Ele tinha até a sexta-feira (3) para tomar uma decisão: vetar ou sancionar o projeto de lei. Desta forma, a presidência da Câmara não teve outra alternativa, pelo Regimento Interno e decisão da maioria do plenário,, se não a de promulgar a proposta.




INCOERÊNCIAS

O ativista Denilson Evangelista, do Movimento Vem Pra Rua, fez algumas observações na emenda que possibilitou a provação do reajuste salarial dos vereadores:

1 - O vereador Maurício votou sim no plenário, mas não assinou a emenda 2 - Nardi votou contra, mas assinou a emenda 3 - Um misterioso vereador rabiscou a própria assinatura

O vereador Luiz Nardi (PL) encaminhou mensagem ao JP explicando: "vale observar que quando assinei a emenda já haviam sete assinaturas necessárias para a aprovação da mesma. Também quando assinei, já antecipei meu voto contra. Assinar emendas e projetos não significa votar a favor, mas simplesmente permitir que as propostas possam ser discutidas".


214 visualizações0 comentário