Buscar
  • Da redação

Além da melancólica derrota para o Linense, MAC poderá ser punido pela FPF por gritos homofóbicos de


Torcedores do MAC no jogo contra o Linense, sábado, no Abreuzão (Foto: Matheus Dahsan)


Relatório encaminhado à Federação Paulista de Futebol pelo árbitro Cleber Luis Paulino, pode resultar em punição para o Marília Atlético Clube. Ele relatou que aos 25 minutos do jogo entre MAC e Linense, na noite de sábado, no Abreuzão, paralisou a partida e a solicitou intetvenção da Polícia Militar após ouvir gritos homofóbicos de torcedores do Marília, chamando o golerio do Linense de "bicha".

“Informo que aos 25 minutos de jogo, paralisei a partida e solicitei ao quatro árbitro para que informasse ao responsável do policiamento para tomar as medidas cabíveis, pois a torcida da equipe do Marília A.C. localizada atrás do gol visitante, proferiu os seguintes gritos homofóbicos ao goleiro da equipe visitante – OOO BICHA”, cita o documento.

O caso será analisado pelo pelo Departamento de Justiça Desportiva da FPF, o mesmo que no ano passado aplicou multa de R$ 1,5 mil à diretoria do Marília por gritos homofóbicos de torcedores contra jogadores do Fernandópolis, naquela cidade.

Ao final do jogo contra o Linense, revoltados com a derrota por 1 a 0, torcedores do MAC também invadiram área restrita de jogadores e comissão técnico e fizeram protesto, com xingamentos e hostilizando também a equipe da TV TEM (Globo Bauru). Com a interdição do Estádio, apenas 300 toircedores poderiam assistir o jogo. A diretoria do MAC divulgou a presença de 299 torcedores, com uma renda de cerca de R$ 4 mil.

:


27 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Twitter - White Circle
Anuncie aqui!!!
14 99797-5612

© 2017 por "JP. Povo