top of page
Buscar
  • Agências

São Paulo poderá ter feriadão de seis dias para estimular isolamento


O governador e o prefeito de São Paulo propuseram nesta segunda-feira (18) a antecipação de feriados estaduais e municipais, que podem gerar um feriado de seis dias na capital paulista a partir da próxima quarta-feira (20). A ideia é aumentar a taxa de isolamento social e tentar diminuir o avanço do coronavírus em São Paulo.

João Doria propôs a antecipação do feriado de 9 de julho para o dia 25 de maio, próxima segunda-feira. A medida se soma à proposta de Bruno Covas de antecipar feriados de Corpus Christi e da Consciência Negra para as próximas quarta (20) e quinta (21), e transformar a sexta (22) em ponto facultativo no município.

Se forem aprovadas pela Assembleia Legislativa e a Câmara Municipal, respectivamente, as medidas podem gerar um megaferiado de seis dias, entre quarta e segunda.

“A expectativa é que o projeto possa ser analisado em caráter de urgência e ter aprovação majoritária dos deputados da Assembleia Legislativa. Da mesma maneira, os vereadores avaliarão a proposta de antecipação de feriados para a cidade de São Paulo, na mesma direção e com outros feriados possíveis”, diz o governador.

Segundo Doria, essa medida vai em sintonia com a proposta do prefeito Bruno Covas e ao encontro do que o comitê de saúde do estado recomenda. “Ficou claro que ao longo dos fins de semanas e feriados nós temos índices mais elevados de isolamento, o que contribui para o controle da pandemia”, afirmou.

Covas explicou que também deve antecipar feriados municipais da cidade. “Se o projeto for aprovado pela Câmara Municipal, nós anteciparemos os dois feriados municipais que ainda temos para quarta-feira (20) e quinta-feira (21) desta semana e sexta-feira (22) seria ponto facultativo. Assim, teríamos cinco dias em casa para atingirmos taxas de isolamento melhores”, afirma.

E complementou: “Se a Assembleia Legislativa aprovar o pedido do governador, teremos ainda mais um dia na segunda-feira (25) em casa”.

Além disso, o governador afirmou que vai recomendar que outros prefeitos da região metropolitana, litoral e interior também antecipem os feriados possíveis na tentativa de prolongar o período das pessoas em casa.

Doria reiterou a importância do isolamento social no estado. “É muito importante que a população de SP compreenda a importância do isolamento social. Quanto maior for o isolamento, maiores serão as chances de superarmos a fase mais dura da pandemia. Estar em desacordo com a orientação prejudica o conjunto de decisões do governo para a ativação econômica do estado”, explica.





25 visualizações0 comentário
bottom of page