Buscar
  • Da redação

Estado aguarda a "superação da grave crise de saúde pública" e não tem data para inauguraç


Sem data definida para inauguração. Esta é a posição da Secretaria de Administração Penitenciária (SAP), em nota enviada ao JP, sobre o novo Centro de Detenção Provisória (CDP) de Álvaro de Carvalho (a 29 km de Marília).

A inauguração da Unidade estava prevista para 2018, mas atrasos nas obras adiaram a previsão para fevereiro de 2019. Novos atrasos, desta vez burocráticos e administrativos, adiaram novamente a entrega, mas sem prazo definido.

A SAP anunciou no início deste ano o dia 5 de março para a inauguração do novo CDP. Mas, desta vez, a pandemia do coronavírus foi a causa de novo adiamento, agora, sem data definida.

"A Unidade está inserida no Plano de Contingência da Secretaria da Administração Penitenciária e assim se manterá até a superação da grave crise de saúde pública instalada", cita a Nota da SAP.

O JP apurou que uma grande quantidade de alimentos comprados para abastecer o novo CDP começaram a ser entregues a partir do dia 18 de maio.

"O CDP estava previsto para ser inaugurado em 05/05, por isso havia sido providenciada a aquisição de gêneros alimentícios para a unidade.

Contudo, devido a pandemia, a inauguração foi adiada e os itens adquiridos estão sendo remanejados para outras unidades prisionais da região", explicou a SAP.


A Unidade tem capacidade para 823 detentos e o número de funcionários que atuarão lá não foi informado por questões de segurança. Muitos desses funcionários são moradores de Marília e algumas cidades da região, que enfrentam muitas dificuldades nesta situação. Eles estão atuando em presídios de outras regiões e da Capital, aguardando a inauguração do novo CDP para serem transferidos.

Além disso, a entrega do novo CDP ajudará a amenizar a preocupante superlotação na Penitenciária de Marília e outras unidades da região Oeste Paulista, justamente neste período da pandemia do coronavírus.


NOTA DA SAP


"A Secretaria da Administração Penitenciária informa que, em um primeiro momento, o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Álvaro de Carvalho estava previsto para ser inaugurado em 05/05, por isso havia sido providenciada a aquisição de gêneros alimentícios para a unidade.

Contudo, devido a pandemia, a inauguração foi adiada e os itens adquiridos estão sendo remanejados para outras unidades prisionais da região. A capacidade do novo CDP é de 823 vagas e ele se destinará a atender presos provisórios da região. O número de funcionários por unidade não é repassado por questão de segurança. Salientamos ainda que a unidade prisional, que será objeto de operação compartilhada, está inserida no Plano de Contingência da Secretaria da Administração Penitenciária e assim se manterá até a superação da grave crise de saúde pública instalada".













81 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Tumblr - White Circle
  • Twitter - White Circle
Anuncie aqui!!!
14 99797-5612

© 2017 por "JP. Povo