Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Homem descumpre medida protetiva, se recusa a deixar residência por ordem judicial e acaba preso


Um servidor público municipal de 51 anos, residente no Bairro Lorenzetti, na Zona Oeste de Marília, foi preso por descumprimento de medida protetiva de urgência.

Um oficial de justiça esteve na casa dele,a companhado de policiais militares, comunicando que o mesmo deveria deixar o local. O homem leu o mandado judicial mas disse que não concordava com os termos.

Após uma hora de tentativa de acordo, o cidadão não aceitou deixar o imóvel, motivo pelo qual os policiais entraram em ação e o conduziram à CPJ, onde o mesmo foi autuado por desobediência judicial e preso.


18 visualizações0 comentário