Buscar
  • Assessoria

Docente do Programa de Pós-graduação em Direito da Unimar é eleito o jurista mais admirado do Brasil

O Docente do Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade de Marília (Unimar), Dr. Elias Marques de Medeiros Neto, lidera o ranking dos juristas mais admirados do Brasil. A pesquisa reuniu mais de 2,6 mil gestores de Departamentos Jurídicos e Financeiros de aproximadamente 1,5 mil das maiores empresas do país. O resultado foi divulgado na 13ª edição do anuário Análise Executivos Jurídicos e Financeiros, da Análise Editorial.

De acordo o docente, Dr. Elias Marques de Medeiros Neto, liderar o ranking trouxe muito orgulho e, também, entusiasmo para seguir buscando o crescimento profissional. “O resultado me mostra a necessidade de lembrar que passei por uma estrada de muito esforço, dedicação e entrega. Uma das grandes diretrizes é lembrar que a cada momento temos algo de diferente para aprender e melhorar. Então, não encaro este fato de estar em primeiro lugar como o fim, muito pelo contrário, para mim é um grande começo. Eu preciso lembrar que batalhei para chegar nesse nível de lembrança no mercado, mas que é preciso aprender e melhorar sempre, porque senão a gente estaciona e é muito fácil descer degraus. Para crescer, você vai por escadas e para descer, você vai de elevador”, ressalta.

A edição do anuário Análise Executivos Jurídicos e Financeiros apresenta os responsáveis pelos departamentos jurídicos das maiores companhias no país. Profissionais que gesticulam das mais simples decisões até fusões de empresas. Em 2020, o ranking apresentou 2640 profissionais de 1467 empresas, sendo o ranking definido por escolha dos próprios juristas participantes. “A beleza desta pesquisa é que ela acessa os executivos jurídicos e pergunta quais são os mais admirados e porque teoricamente ela deveria constar no ranking. O que me deixa muito feliz é que apenas profissionais que estão nestas empresas participam, eliminando o aspecto comercial. Quando, por exemplo, o diretor jurídico da Coca-Cola lembra de mim, que estou na área de ferrovias e portos, caracteriza como uma lembrança teoricamente pura, do que um advogado que é contratado pelo meu departamento jurídico”, destaca Elias.

Dr. Elias foi lembrado no ranking desde a primeira edição. Em 2016, ocupou o 8º lugar. Um ano depois, foi o 17º. No ano de 2018, ocupou a primeira colocação empatado com a diretora jurídica da Amazon, Josie Jardim. Já no ano de 2019, foi o 3º maior jurista do Brasil e este ano, lidera o ranking. “Eu me sinto muito agradecido às pessoas que estiveram comigo, porque não se chega aqui sozinho. Há uma equipe que, direta ou indiretamente, contribui para a construção desta lembrança que tiveram com relação ao meu nome”, agradece.

Docente dos cursos de Mestrado e Doutorado em Direito na Unimar, Elias acredita que a vivência jurídica e a acadêmica reforçam o reconhecimento pelo mercado. “Eu não só primo por construir um departamento eficiente, que entrega resultados e que seja bem gerido, mas eu também trago muito da formação dos advogados, procurando publicizar que não é porque estamos em uma empresa que temos que deixar de exercer a advocacia. Eu vejo que as áreas se complementam. A docência ajuda no meu desempenho de atividade jurídica, me obrigando a estudar, escrever e estar sempre atualizado. A frente de um Departamento Jurídico, que tem um universo de problemas, com certeza me traz uma enorme quantidade de desafios e de situações jurídicas que, de alguma forma, engrandecem as aulas. Eu diria que, tanto as aulas ficam melhores porque ficam com tom de vida e experiência e que o

exercício da advocacia e da diretoria jurídica ficam mais fortes porque vem com um arcabouço técnico bem sólido. As duas coisas eu sempre procurei unir na minha vida porque acredito que isso faz um profissional bom e sólido”, explica.




6 visualizações0 comentário