Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Anatel apura denúncias contra a Rádio 950. Emissora aponta "interesses politicos"


Estúdios da Rádio 950 no Edifício Nações Unidas, na Rua Bahia

Com base em denúncias protocoladas pelo radialista Fábio Conti, fiscais da Agência Nacional de Telecomunições (Anatel) estiveram na Rádio 950 em Marilia, vertificando eventuais irregularidades técnicas relacionadas à endereços de estúdios e transmissores.

Os representantes do órgão federal estiveram nos estúdios da emissora, no Edifício Nações Unidas, centro da cidade, no Edifício Marília (onde funcionou a Rádio na década de 90) e em endereços em Vera Cruz. A razão social da emissora é Rádio Clube de Vera Cruz.

Os técnicos da Anatel constaram em relatório que "foram constatadas irregularidades de aspectos técnicos" sobre antena, transmissores e estúdios".

A gerência da Rádio informou as fiscais que a emissora "já solicitou alteração de características técnicas conforme o Processo Legal".

Em Nota, relatou que "não há nehuma irregularidade técnico-administrativa e as denúncias formuladas pelo Sr. Fábio Henrique são infundadas e têm apenas interesses políticos partidários, já que o denunciante é servidor comisssionado da Prefeitura de Marília, alvo de denúncias pelo jornalismo da emissora, principalmente".

Os técnicos da Anatel abriram prazo de 15 dias para a empresa apresentar documentações sobre os apontamentos verificados em relatório.





120 visualizações0 comentário