Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Ato pró-Bolsonaro e pela intervenção militar ocorreu em frente o Tiro de Guerra, em Marília


Manifestação pró-Bolsonaro ocorreu em frente o Tiro de Guerra, em Marília

Marília se engajou neste domingo (14) nas manifestações e atos a favor do presidente Jair Bolsonaro e contra as medidas restritivas determinadas pelo governador João Doria (PSDB).

Grupo de manifestantes se reuniu em frente a sede do Tiro de Guerra, no Bairro Castelo Branco, na Zona Norte de Marília. No local houve cantos do Hino do Exército e Hino Nacional e bandeiras do Brasil, além de gritos de ordem "fora Doria", "fechamento do STF" e faixas defendendo intervenção militar, com Bolsonaro e faxina geral nos Três Poderes. Também ocorreu buzinaço.

SÃO PAULO

Manifestações de apoio ao presidente Bolsonaro ocorreram em todo o Brasil. No Estado de São Paulo protestos de intensificaram contra o governador Doria. Grande concentração na Avenida Paulista pediu o impeachment do governador. RIO DE JANEIRO

Apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fazem ato na orla de Copacabana, na zona sul do Rio de Janeiro. Eles protestam contra os governadores e as medidas restritivas impostas em várias regiões do país para conter o agravamento da pandemia de Covid-19. Na cidade do Rio, as medidas restritivas estão em vigor até o dia 22 de março, deixando comércio, serviços e funcionalismo público com horários escalonados de funcionamento. BRASÍLIA

Em Brasília, um grupo de manifestantes fez uma carreata em defesa do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e contra as medidas de restrição impostas para conter o avanço da Covid-19. O grupo saiu da Torre de TV e seguiu pelo Eixo Monumental, em direção à Esplanada dos Ministérios. O ato foi convocado pelas rede sociais e causou impacto no trânsito. Os manifestantes se dispersaram pouco antes das 12h. A Polícia Militar acompanhou o ato e disse que não houve ocorrências. BELO HORIZONTE

Uma carreata a favor do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), foi realizada na manhã deste domingo na região central de Belo Horizonte. Os veículos se concentraram na Praça do Papa, no bairro Mangabeiras, desceram a Avenida Agulhas Negras, passaram pelas praças da Bandeira e da Liberdade e foram em direção ao Centro da capital mineira. Os manifestantes promoveram um buzinaço e muitos carregavam a bandeira do Brasil.


0 visualização0 comentário