Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Avião que fez pouso forçado em rodovia em Marília não tem autorização para táxi áereo


O avião monomotor que fez um pouso forçado na tarde desta segunda-feira (17), no trecho em obras da Rodovia Rachid Rayes (SP-333), em Marília, não term autorização parta operar como táxi aéreo, segundo a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e está registrada em nome de uma administradora nacional de consórcios. O Certificado de Verificação de Aeronavegabilidade (CVA) está dentro do prazo de validade.

Segundo informações da Polícia Rodoviária, o avião seguia de Presidente Prudente para São Paulo quando apresentou problemas mecânicos. O piloto precisou fazer um pouso de emergência e conseguiu descer com a aeronave no trecho que está sendo duplicado da SP-333, no quilômetro 346, ainda fechado ao tráfego, evitando o risco de atingir outros veículos. O avião era ocupado pelo piloto e um passageiro, sendo que nenhum deles ficou ferido.





50 visualizações0 comentário