top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Casal é julgado por disparos de tiros e tentativa de homicídio em bar na zona oeste de Marília


O Tribunal do Júri do Fórum de Marília realiza nesta quarta-feira (24) o julgamento do comerciante Sérgio Raphael dos Santos Pereira e da esposa Regina Aparecida Simonete da Silva.

O casal é acusado de tentativa de homicídio. Eles foram presos dia 27 de junho de 2021 acusados de efetuar tiros em um bar no Jardim Califórnia, zona Oeste da cidade após desentendimentos.

Segundo a denúncia, o comerciante frequentava o bar e teve um desentendimento com outro cliente. O proprietário encerrou a confusão e pediu que ambos deixassem o local. Cerca de uma hora depois, Pereira voltou ao bar, localizado na rua Amador Bueno. Acompanhado da esposa, o comerciante efetuou um tiro contra o portão do estabelecimento. Na sequência, o acusado apontou a arma para a cabeça do proprietário do bar, fez ameaças e disparou a arma, mas a vítima conseguiu desviar. Pereira ainda efetuou tiros para o alto e em direção a outros clientes, mas ninguém foi atingido.

Conforme a denúncia, a esposa Regina a todo momento prestava auxílio moral a ele, incentivando-o e ao final disse: “está bom pra vocês ou vocês querem mais?”

O comerciante fugiu com a esposa numa camionete Toyota Hilux, placas de Lins, mas foi abordado pelos policiais militares ainda nas proximidades. O casal foi indiciado em flagrante pelo crime de tentativa de homicídio e disparo de arma de fogo, e recolhido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Álvaro de Carvalho e penitenciária feminina de Pirajuí. Se condenado, pode pegar uma pena superior a 20 anos de prisão.



138 visualizações0 comentário
bottom of page