top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Casal acusado de maus-tratos contra bebê é preso na região. Criança morreu após internação


A polícia civil de Tarumã deu cumprimento nesta quarta-feira (25) ao mandado de prisão temporária aos pais de um bebê de quatro meses que morreu em decorrência de vários hematomas pelo corpo e chegou a ficar internado no Hospital Regional de Assis. A criança foi declarada morta após morte cerebral.

A prisão temporária do pai E.S.T de 21 anos e da mãe V.V.S.G de 22 anos foi expedida pelo Juizado da 3° Vara da Infância e Juventude de Assis por maus-tratos, mas segundo delegado responsável pelas investigações, Dr Thiago Bergamo Martins, os trabalhos continuam e outras pessoas também serão ouvidas do decorrer do inquérito.

Conforme a polícia havia o receio do casal deixar a cidade no decorrer da investigação, sendo assim o judiciário entendeu por bem acatar o pedido de prisão temporária até que os fatos sejam esclarecidos.

O casal foi preso logo no início da manhã, em uma residência localizada na Avenida das Orquídeas, em Tarumã.

No último dia 20 de janeiro, quando a criança deu entrada no Hospital Regional, o próprio pai acionou o SAMU e informou que o filho teria sofrido uma queda durante a “naninha”, mas a suspeita veio à tona quando a equipe médica examinou a vítima e notou algo estranho diante dos hematomas e um ferimento na cabeça, acionando assim a polícia que começou a investigar o caso. Conselho Tutelar do município também foi acionado e fez Boletim de ocorrência.



109 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page