Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Criança é atacada por cão pitbull, na região. Em outros casos, mulheres morreram atacadas pela raça


Mais um ataque de cães foi registrado na região. Desta feita, em ocorrência truncada, uma criança de cerca de 10 anos foi atacada por um cão da raça pitbull nesta quinta-feira (9), em Jaú.

Segundo informações da Polícia Militar, o cachorro escapou de uma casa no Jardim Olímpia e atacou o menino no rosto. A criança foi socorrida pela própria mãe e levada para a Santa Casa da cidade. Não foram divulgadas informações sobre a gravidade dos ferimentos. O pitbull foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros junto com outros dois cachorros que estavam na casa e todos foram levados para o canil da prefeitura.


MULHER MORREU ATACADA POR CÃES

No dia 12 de novembro passado, uma mulher de 31 anos morreu atacada por três pit bulls em Ourinhos. Juliana da Silva Rosa morreu após ficar quatro dias internada.

O ataque aconteceu na madrugada. Juliana veio para o Hospital das Clínicas (HC) de Marília onde ficou internada, mas não resistiu aos ferimentos. Segundo informações do boletim de ocorrência, ela caminhava pela Rua Manoel Sanches Hernandes, na Vila Operária, em Ourinhos, quando os três cachorros a atacaram.


OUTRO CASO COM MORTE

No dia 22 de julho, uma mulher de 53 anos morreu após ser atacada por seis cães da raça pitbull em uma chácara localizada na área rural de Birigui (150 quilômetros de Marília).

Marli Donega foi visitar o namorado, que é caseiro do local, quando os cães a atacaram a noite, segundo informações da Polícia Civil. O namorado tentou ajudar a afastar os cães, mas também foi mordido. Mesmo com vários ferimentos, ele conseguiu fugir para dentro do imóvel e pedir ajuda de familiares antes de ficar desacordado. A equipe de resgate foi acionada, mas encontrou a mulher já sem vida no local. O caseiro foi levado ao Pronto-Socorro Municipal com diversos ferimentos. Os animais foram contidos por outras pessoas que estavam na chácara. O caso foi registrado pela filha da vítima como morte suspeita e investigado pela Polícia Civil.





51 visualizações0 comentário