top of page
Buscar
  • Por Adilson de Lucca

DISE prende traficantes após carregamento de drogas em "biqueira" na zona norte de Marília


Após inúmeras informações e investigações realizadas por mais de três meses em uma “biqueira” localizada na Avenida Antônio Lourenço, bairro Alcides Matiuzzi, zona norte da cidade, onde vários vendedores de drogas foram presos em flagrante, nesta quinta-feira (10), investigadores da Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes (DISE) de Marília, sob o comando do delegado dr. João Carlos Domingues, receberam informações de que uma pessoa envolvida no esquema iria receber grande quantidade de entorpecente visando abastecer o mencionado ponto de venda.

Assim, no período da tarde, os policiais foram para a região e passaram a realizar campanas nas imediações do ponto de venda, ocasião em que avistaram dois indivíduos: um deles trajando blusa lilás e bermuda azul, de 20 anos e o outro trajando blusa cor preta e bermuda cor preta, também de 20 anos.

Eles foram até um matagal nas proximidades, se abaixaram ao lado de uma árvore, mexeram na terra e após saíram. O último na posse de uma sacola de cor verde. Foram para o ponto de venda supracitado, onde, alternadamente, realizaram duas vendas para dois clientes que chegaram ao local a pé.

Diante dos fatos, não havendo dúvidas de que eles estavam praticando o tráfico, por volta das 15h, os policiais decidiram pela abordagem, em ação rápida e eficiente, sendo que um dos indivíduos permaneceu no local e não tentou fuga.

O outro, percebendo a ação policial, abandonou a sacola em um móvel velho que estava abandonado na rua e saiu caminhando em direção a Rua Maria Casadei, local onde foi detido, cerca de uns 60 metros da “biqueira”.

Submetido a revista pessoal, nada sendo encontrado em seu poder. Na sacola de cor verde abandonada, os policiais encontraram 1 muca em saquinho plástico transparente, contendo 69 pinos transparentes com cocaína, 1 muca em saquinho plástico transparente, contendo 63 porções de crack, embaladas em plástico filme transparente, tipo correntinha, 1 porção de maconha embalada em plástico filme transparente, tipo bananinha e uma folha de caderno, tamanho pequeno, contendo anotações do tráfico.

Em poder de um dos elementos, o qual foi abordado na “biqueira”, foram localizados, no bolso de sua bermuda, R$ 40,00 em dinheiro.

Durante diligências no matagal, próximo a mencionada árvore, os policiais localizaram, enterrado, um tambor de cor preta, com tampa, no interior do qual continha 8 mucas em saquinhos plásticos transparentes, contendo 946 pinos transparentes com cocaína, 4 mucas em saquinhos plásticos transparentes contendo 204 porções de maconha embaladas em plástico filme transparente, tipo bananinha e 5 mucas em saquinhos plásticos transparentes contendo 433 porções de crack embaladas em plástico filme transparente, tipo correntinha. Segundo os investigadores, os usuários não foram abordados para não prejudicar as investigações que visava a prisão dos traficantes e tal medida certamente colocaria em risco o trabalho que vinha sendo realizado.

Em razão de tais fatos, não havendo qualquer dúvida de que eles estavam praticando o tráfico de drogas, os policiais deram voz de prisão aos mesmos, os quais foram conduzidos a esta unidade policial e autuados em flagrante por tráfico de drogas.

Tendo em vista o horário do término da ocorrência, e pela natureza do crime, sendo inafiançável, tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, os indiciados ficarão recolhidos na carceragem da CPJ de Marília, para análise judicial da autuação a ser realizada nesta sexta-feira. As drogas apreendidas foram encaminhadas para exame pericial.



474 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page