Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Docente de graduação e pós-graduação em Medicina Veterinária da Unimar vai à universidade na Bolívia



Docente dos cursos de graduação e pós-graduação em Medicina Veterinária da Unimar é convidado a ministrar aulas no Programa de Pós-graduação em Universidade na Bolívia


O professor Rodolfo Spers ministrou aulas em dois cursos de Pós-graduação na Universidade Autônoma Gabriel René Moreno na cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia.

O docente dos cursos de graduação e pós-graduação em Medicina Veterinária da Universidade de Marília (Unimar), Rodolfo Spers, foi convidado para ministrar aulas em dois Programas de Pós-graduação na Universidade Autônoma Gabriel René Moreno na cidade de Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. As aulas ministradas foram relacionadas à nutrição animal e produção de gado de leite, suas especialidades. Rodolfo é docente da Unimar há 33 anos e atua nos programas de graduação e pós-graduação.

De acordo com o professor Rodolfo, foi uma grande experiência compartilhar seu conhecimento. “Quando a gente chega nesse nível de carreira profissional, no ponto de ser convidado para ministrar aulas além fronteiras, identificado como um docente que tem habilidade para transmitir o conhecimento, é maravilhoso. Até porque, é a graduação e a pós-graduação da Unimar rompendo barreiras com a internacionalização”, destaca.

O convite para integrar o corpo docente do Programa de Pós-graduação da Universidade Autônoma Gabriel René Moreno surgiu após o coordenador do Mestrado, o professor Miguel Pérez Riéz, receber a indicação de um médico veterinário que já participou das aulas do professor Rodolfo.

Para Spers, a oportunidade trouxe uma sensação ainda maior de satisfação profissional. “Foi maravilhoso e eu me sinto, cada vez mais, realizado profissionalmente. Eu sou da primeira turma da Medicina Veterinária da Unimar, nunca saí da Instituição e faço parte, com muito orgulho, do melhor curso privado do estado de São Paulo. Agora, com este reconhecimento, quando alguém vê meu potencial e me convida para fazer parte do corpo docente de dois programas de pós-graduação fora do meu país, me deixa sem palavras”, complementa.

Além de levar o nome da Universidade de Marília para a Bolívia, o Professor Rodolfo trouxe para os alunos da graduação e pós-graduação a sua experiência com as técnicas e metodologias utilizadas no país. “Eu dividi com os alunos da Unimar a minha experiência, o que aprendi com eles e, também, mostrei que a língua não é uma barreira para o crescimento profissional, porque quando fazemos com amor, a energia em si quebra barreiras”, destaca.

O Professor Rodolfo é docente da Unimar há 33 anos, ministrando aulas na graduação e pós-graduação. Formado na primeira turma de Medicina Veterinária, logo após a graduação, passou a atuar como docente no setor de Nutrição, assim como seu pai, o Dr. Alexsander Spers, que também foi docente na Instituição.

Segundo o coordenador do curso de Medicina Veterinária da Unimar, Fábio Manhoso, é uma felicidade e grande oportunidade ter este intercâmbio de conhecimento. “É muito importante este processo de internacionalização, que leva o nome da nossa Instituição, do curso de

Medicina Veterinária e do nosso Mestrado Profissional para uma Universidade no exterior e, desta forma, a gente atende as exigência do próprio MEC, dos órgãos avaliadores e faz esta expansão, que já está virando tradição do curso de Medicina Veterinária, visto que vários alunos já participaram e continuam buscando este processo da internacionalização. E, agora, o professor Rodolfo, levando este procedimento que para nós é muito importante. Quero cumprimentar o professor por este investimento que ele realmente fez e que, com certeza, trará bons frutos para toda a Medicina Veterinária”, destaca.

O coordenador do curso do Programa de Mestrado Profissional em Medicina Veterinária, Raul Girio, destaca a honra de ter um docente de tamanha qualidade profissional no Mestrado. “A Internacionalização é muito importante para os alunos da graduação e pós-graduação, eu vejo um avanço do curso de mestrado com esta troca de conhecimento, que em menos de dois anos de atuação já conquista visualização importante. É uma felicidade compartilhar desta conquista com o Professor Rodolfo, que leva o nome da Universidade de Marília para o exterior”, conclui.

33 visualizações0 comentário