Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Drogas avaliadas em R$ 5 milhões foram incineradas. Empresário de Marília e motorista seguem presos


Quatrocentos quilos de drogas, sendo metade de cocaina e metade crack, avaliados em cerca de R$ 5 milhões, foram incinerados pela Polícia Civil de Tupã em uma metalúrgica daquele cidade. Tudo foi apreendido em operação das Polícias Civil e Militar na noite de domingo (23) na SP-194 e resultou na prisão em flagrante de dois homens, sendo um deles do empresário Andrei Wesley de Almeida Conceição, 35 anos, residente no condomínio de luxo Esmeraldas, na Zona Leste de Marília.

Ele conduzia uma caminhonete Hillux SW4 e atuava como batedor um caminhão conduzido por e do Aflízio Nicolau Júnior, 39 anos, com 400 tabletes misturados das drogas misturados à carga de cebola, ue foi doada à Prefeitura de Tupã.

Com informações sobre a ação criminosa, policiais da DISE e da DIG se posicionaram em pontos estratégicos da rodovia e conseguiram abordar o véiculo suspeito.

O empresário, que conduzia a caminhonete, ao ser indagado, deu informações contraditórias. Logo em seguida, os policiais interceptaram na rodovia um caminhão branco, que levava as drogas. O motorista do caminhão confessou o tráfico.

Ambos foram conduzidos à CPJ de Tupã, autaudos em flagrante e presos. Uma equipe policial ainda veio até à mansão do empresário, em Marília, onde apreendeu R$ 20 mil em dinheiro e documentos.






114 visualizações0 comentário