Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Empresário vítima de latrocínio após dar carona em rodovia na região será sepultado hoje


Empresário Yamada foi morto com facada no peito após dar carona em rodovia


Será sepultado nesta quinta-feira (17) em Cafelândia (72 quilômetros de Marília), o empresário Sérgio Minoru Yamada, de 56 anos, que foi assassinado a facada por um homem a quem deu carona na Rodovia Marechal Rondon, entre Cafelândia e Guarantã.

O autor do crime, de 45 anos (que não teve a identidade revelada) foi preso pela Polícia Ambiental de Lins enquanto caminhava pela via férrea próximo à rodovia, entre as duas cidades. O assassino pegou carona na picape VW Saveiro com Yamada na saída de Cafelândia. Após algum tempo de viagem, anunciou o assalto e desferiu a facada no peito da vítima. O empresário, que tinha comércio em Guarantã e era morador de Cafelândia, morreu no local. Uma equipe da Polícia Ambiental iniciou buscas pelas redondezas até encontrar o suspeito caminhando nos trilhos de trem. Ele tentou fugir ao notar a viatura, mas acabou sendo detido, recebeu voz de prisão e foi apresentado na delegacia de Guarantã, onde acabou indiciado por latrocínio.




196 visualizações0 comentário