Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Empresários brigam por dívida. Um foi preso por embriaguez, outro por porte ilegal de arma


Após denúncia ao Copom, uma equipe da Polícia Militar se deslocou até a Rua Doutor Luis Scaglio, no Jardim Universitário, na Zona Oeste de Marília, por volta da 1 hora da madrugada, para averiguação de desinteligencia e disparos de arma de fogo.

Foi realizada abordagem a um empresário de 42 anos, residente no Jardim Tangará,, condutor de um veículo VW Saveiro, que estava tentando sair do local dos fatos, visivelmente embriagado. Ele declarou que seguiu seu ex-sócio, um empresário de 33 anos, residente no local, devido à uma dívida antiga e que o mesmo havia feito disparo de arma de fogo contra ele, sendo que um dos disparos atingiu o seu veículo.

Os policiais fizeram contato com a outra parte envolvida, a qual declarou ter efetuado dois disparos em direçao à rua. Ele apresentou a arma de fogo utilizada, um revólver calibre 32, niquelado, com 2 cápsulas deflagradas e três intactas.

Diante dos fatos foi dado voz de prisão aos indivíduos que foram encaminhados à CPJ, onde delegado de plantão tomou ciência dos fatos e ratificou a voz de prisão a ambos, a um por posse e disparos de arma de fogo e o outro por embriaguez ao volante, apreendendo a arma de fogo.

Mas os dois ainda acabaram sendo liberados, após pagamento de fianças. O que estava bêbado pagou R$ 2 mil e o outro pagou R$ 1.200,00.




803 visualizações0 comentário