Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Engenheiro e desempregado são presos após agressões contra mulheres


No primeiro caso, um engenheiro de 34 anos, foi preso em flagrante por policiais militares próximo ao Parque dos Sabiás, no Distrito de Padre Nóbrega

por volta das 23h do sábado.

Ele estava dentro de um veículo VW Gol, às margens da Rodovia SP-294, com a companheira, uma secretária de 26 anos. Conforme apurado, houve discussão e ele pediu para ela descer do carro.

Como a mulher se recusou a sair do veículo, foi retirada à força e agredida com socos e chutes. Moradores das proximidades presenciaram os fatos e acolheram a vítima em uma casa.

A Polícia Militar foi acionada e conduziu as partes à CPJ, onde exame médico constatou as agressões e ferimentos na mulher, que manifestou o desejo de representar criminalmente. O engenheiro foi autuado em flagrante por violência doméstica e preso.

OUTRO CASO

Já na Rua Maria Quitéria, no Jardim Vitória, Zona Sul da cidade, no início da madrugada deste domingo (20), um desempregado de 39 anos, acabou preso após agredir a esposa, uma dona de casa de 32 anos.

A Polícia Militar foi acionada duas vezes ao local. Na primeira, orientou o casal, após discussão. Na segunda, a mulher apresentava um olho ferido por um soco desferido pelo companheiro.

Ela relatou que houve nova discussão por motivos familiares e o homem ainda a ameaçou de morte. Foram conduzidos à CPJ, onde exame médico constatou os ferimentos. A vítima afirmou que deseja representar criminalmente e pedir medidas protetivas, enquanfo o homem foi autaudo em flagrante por violência doméstica e preso.





151 visualizações0 comentário