top of page
Buscar
  • Por Adilson de Lucca

Homens que espancaram e mataram andarilho asfixiado são condenados a 24 anos de cadeia


Dois homens acusados de matar um andarilho com requintes de extrema violência de crueldade, em Marília, foram condenados a 24 anos de prisão em regime inicial fechado. A decisão foi do Tribunal do Júri do Fórum de Marília e a sentença assinada pela juíza Josiane Patricia Cabrini Martins Machado.

Os réus Jhuann Carlos de Lima e Paulo César Vieira Ribeiro, conforme os autos, mataram o andarilho Rodrigo Nogueira Cardoso, de 38 anos, em fevereiro de 2021, no final da noite, após uma discussão banal em frente um estabelecimento comercial.

Rodrigo foi espancado e enforcado com um cinto. Sofreu politraumatismo. Os acusados também viviam em situação de rua.






119 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page