top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Ladrão que roubou sorveteria usando facão na Zona Norte é condenado a mais de 7 anos de prisão


Um ladrão que assaltou uma sorveteria ameaçando as vítimas com facão, foi condenado a 7 anos e 3 meses de reclusão no regime fechado. A decisão é da juíza Josiane Patrícia Cabrini Martins Machado, da 1ª Vara Criminal do Fórum de Marília.

O CASO

Conforme os autos, Júnior Teixeira Rodrigues, no dia 14 de novembro de 2021, por volta de 23h, adentrou a Sorveteria Gigabon, na Avenida República, e mediante grave ameaça com facão roubou R$ 300,00.

A vítima T., disse que é funcionária da Sorveteria e trabalhava com outras duas funcionárias, sendo que todas estavam atrás do balcão, sendo que ela estava defronte ao caixa e as outras ao lado, quando adentrou ao estabelecimento um rapaz magro, alto, moreno, usando blusa azul com listras vermelhas de capuz que de imediato apontou um facão que trazia consigo na direção da declarante.

Que o indivíduo se aproximou com o facão em punho, apontando para a declarante e dizendo para ela passar o que tinha no caixa e muito assustada e com medo, pegou o dinheiro existente no caixa e jogou sobre o balcão, inclusive caindo algumas cédulas no chão. Após jogar o dinheiro, o autor pegou as cédulas no balcão e no chão e em seguida saiu da sorveteria levando o dinheiro roubado.

As vítimas não sofreram nenhum tipo de ferimento, mas todas foram ameaçadas pelo autor, pois ele ficou com um facão apontado em suas direções. O ladrão ainda perguntou se elas tinha celulares.

O acusado foi preso quatro dias depois do roubo. No interrogatório judicial, disse não ter relação com os fatos aqui tratados e não soube dizer o motivo pelo qual está sendo acusado da prática de crime tão grave. Ele está preso e, conforme a sentença, não poderá recorrer da decisão em liberdade.





58 visualizações0 comentário

Kommentare


bottom of page