top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

MARÍLIA, 93 ANOS! Daem supera desafios e garante abastecimento de água e saneamento básico


A garantia do abastecimento de água é essencial para o desenvolvimento de uma cidade. Nesse sentido, o Departamento de Água e Esgoto de Marília (DAEM), superando desafios, atende as necessidades de mais de 90 mil imóveis e cerca de 250 mil habitantes de Marília. O consumo o em Marília é de cerca de 210 milhões de litros de água por dia.

"É uma luta no dia a dia, pois temos que fazer a manutenção da rede, ampliar o sistema e manter o abastecimento de água. Isso sem recursos suficientes, uma vez que as tarifas do Daem são as mais baixas do Estado", explica o engenheiro João Augusto de Oliveira Filho, diretor do Departamento.

"Com o apoio da Prefeitura e parceiros, conseguimos suprir as necessidades e não deixar faltar água, nem mesmo nos períodos de extremo calor como vem sendo verificado nos últimos tempos. Isso com a busca de soluções alternativas e muito trabalho", complementa.

Engenheiro João Augusto, diretor do Daem

OBRAS DE ESGOTO

João Augusto destaca também outro fator relevante para o desenvolvimento da cidade: a conclusão pela atual gestão das bacias de tratamento de esgoto (Bacias do Palmital e Barbosa).

O foco agora são os emissários e redes coletoras para concluir esse tratamento, deixando todo o sistema em operação e funcionamento em sua totalidade e retirando de todos os pontos de rios, córregos e afluentes qualquer lançamento de emissário clandestino de esgoto no município.

"Essas obras do esgoto são as mais importantes nesses 93 anos de Marília, garantindo melhor qualidade de vida para o futuro com saneamento básico e preservação do meio ambiente. Poucas cidades do país têm esse privilégio", observou.

João Augusto disse também que a garantia do abastecimento de água, com a perfuração de novos poços e o sistema completo de captação e tratamento de esgoto, possibilitam a atração de mais investimentos para Marília.

"Empresas que buscam cidades para investir, além das já instaladas aqui, priorizam esses índices para obtenção do chamado Selo Verde e garantia de exportações de seus produtos. Para a população como um todo, essas obras significam qualidade de vida e mais saúde. Estatísticas da Organização Mundial de Saúde (OMS), indicam que para cada R$ 1 investido em saneamento básico, se economiza R$ 5 em gastos com saúde".





50 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page