Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Marcos Rezende quer 20% das 448 novas moradias populares reservados para servidores municipais



O presidente da Câmara de Marília, vereador Marcos Rezende (PSD) está solicitando, através de Requerimento na pauta da sessão desta segunda-feira (4), que 20% das 448 novas unidades habitacionais liberadas pelo Governo do Estado para Marília, sejam destinados a servidores públicos municipais. As unidades estão no Programa Nossa Casa-Preço Social, destinadas à famílias de baixa renda (até R$$ 2.994,00), com subsídios de até R$ 40 mil pelo Governo.

As 448 casas e apartamentos começaram a ser liberados para Marília a partir de um encontro de Marcos Rezende com o secretário estadual da Habitação, Renato Amary, em São Paulo, no dia 11 de agosto passado. No encontro, o vereador protolou Ofício (N° 90/2021) solicitando que Marília fosse incluída no referido Programa.

"Agora, com a liberação confirmada das unidades habitacionais, pedimos ao prefeito Daniel Alonso que ao menos 20% delas sejam reservadas para servidores públicos municpais, uma vez que diversos cargos dessa categoria têm salário-base em torno de R$$ 1,5 mil e se enquadram no referido Programa", explicou Rezende.





21 visualizações0 comentário