Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Maria Sujeira é expulsa de rio, em Marília


Esta é síntese de uma apresentação teatral (‘A história de um rio – Rio sujo, rio limpo’) que será apresentada virtualmente pela página Prefeitura de Marília no Facebook, às 15h desta quarta-feira (4), pelo Projeto Social das Obras das Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs).

Espetáculo conta a história de uma comunidade assombrada pela horripilante Maria Sujeira, mas que acaba salva com a ajuda do mascote Limpinho. A live abordará de forma lúdica a importância de cuidarmos dos rios e nascentes.

O espetáculo foi contratado pelo Projeto Social das Obras das Estações de Tratamento de Esgoto (ETEs) de Marília tendo como público-alvo faixa etária infantil.

O departamento de Projetos Sociais da SADS (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de Marília) confiou ao ator e diretor Calu Monteiro a responsabilidade por produzir o espetáculo. Com 24 anos de experiência o produtor cultural responde pela Casa Bonfim – Arte e Cultura.

“O projeto conta com parceria de outros artistas de Marília, como atores e músicos, para a criação, montagem e apresentação na forma de live do espetáculo teatral com foco na conscientização ambiental e a preservação da natureza, principalmente no que se refere às águas e ao tratamento do esgoto”, afirma Calu.

O espetáculo conta a história de uma comunidade assombrada pela horripilante Maria Sujeira, uma terrível vilã que manipula os seres humanos e os obriga a poluir o rio da cidade. Um belo dia, dois pescadores encontram uma sereia e juntos decidem salvar o rio.

Mas como fazer isso? Com a ajuda do Limpinho, o mascote do programa PRÓ Águas e das ETEs Pombo, Barbosa e Palmital. Empoderados pela educação ambiental, os personagens expulsam Maria Sujeira e reestabelecem a vida saudável do rio.




178 visualizações0 comentário