top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Milhares de pessoas visitaram stand da Unimar na Japan Fest. Acadêmica foi eleita Miss Nikkey


Milhares de pessoas visitaram o stand da Universidade de Marília (Unimar) durante a 20ª edição do Japan Fest, uma das maiores festas do segmento do país, que tem como objetivo a valorização cultural. Foram quatro dias, em que a comunidade pôde conhecer e aprender com docentes e acadêmicos dos cursos de graduação e pós-graduação.

O responsável pela organização do evento, o Analista de Atendimento Wladimir Belo, destaca a tradição do Japan Fest e conta como para a Unimar é importante fazer parte dessa festa. “A Unimar participa desde o início e acompanhou o crescimento desse evento. Para nós é muito importante estar aqui, porque são nessas atividades extramuros que o acadêmico tem mais uma oportunidade de praticar a profissão que escolheu, além de estar próximo da comunidade”, destaca.

Ao longo dos quatro dias, a Unimar preparou experiências diárias aos visitantes, com as áreas de conhecimento em cada dia, realizando uma atividade sobre as profissões. Além do quiz sobre os cursos, que foi uma sensação.

ORIENTAÇÕES E DICAS

A acadêmica do curso de Odontologia da Unimar, Maria Rita Queiroz, estava muito animada com sua participação. “Participar do Japan Fest é uma oportunidade de contribuir com a melhora da saúde da população, porque damos orientações e dicas sobre os cuidados bucais que fazem diferença, sem contar que falar sobre o curso e sobre a odontologia é sempre maravilhoso. Está sendo uma troca muito boa”, relata.

O jovem Heitor Pedroni Cruz, acompanhado da mãe, Adriana Pedroni, visitou o estande da Unimar e aproveitou para conhecer mais sobre a área de saúde, que é a sua escolha de carreira. “Eu quero estudar na área da saúde, ser biólogo, neurologista ou enfermeiro, então poder conversar aqui com eles e praticar, foi enriquecedor”, contou.

“Todo ano a gente frequenta, esse é um espetáculo harmonioso e que vale muito a pena. E sempre a gente passa no instante da Unimar, porque eu como mãe, faço questão de incentivar meus filhos a buscar conhecimento e confesso, que me deu muito orgulho ao vê-lo no exercício com a turma da enfermagem”, contou Adriana.

A 20ª edição do Japan Fest em Marília reuniu milhares de pessoas, ao longo de quatro dias, que curtiram uma programação variada com música, taikô, espaço rural, artesanato, exposição de bonsai, oficinas, feira de livros e parque de diversões, sem contar a tradicional gastronomia típica.

Comitiva da cidade-irmã de Marília no Japão, Izumisano, visita o campus da Unimar.

Lideranças de Izumisano, cidade-irmã de Marília no Japão, estiveram presentes na 20ª edição do Japan e aproveitaram para conhecer o sistema educacional brasileiro. A visita foi realizada em escolas municipais de ensino infantil e médio, além da Universidade de Marília.

De acordo com a Coordenadora do Departamento de Relações Internacionais (DRI) da Unimar, prof. Dra. Walkíria Ferrer, foi uma alegria receber a comitiva. “Nós ficamos muito felizes e honrados em receber a delegação japonesa que está em Marília para o Japan Fest. É bem gratificante essa troca cultural e a cada visita nós abrimos novas oportunidades pro nosso corpo discente e docente. Hoje,

as Ligas da Medicina Veterinária participaram da recepção, apresentando seus projetos. Nosso objetivo é estreitar laços acadêmicos e culturais com instituições japonesas, em especial na cidade de Osaka, onde há um interesse maior dos nossos discentes de Medicina veterinária”, explica.

O chefe da Comitiva, o Secretário da Educação da Prefeitura de Izumisano Shinya Oku, contou que ficou alegre com a recepção e tudo o que conheceu sobre a Unimar. “A cidade é muito bonita. Desde ontem estamos visitando a cidade e todos nos receberam com muito carinho e atenção, estamos muito gratos com isso. Achamos a Unimar maravilhosa e sentimos na pele que vocês tem orgulho do que vocês estão fazendo aqui, me deixou feliz. Vou me esforçar para tentar realizar esse desejo de intercâmbio Cultural”, diz.

O membro da Comitiva, o Diretor do Depto de Cidadania da Prefeitura de Izumisano Eiji Nakashita, destacou a alegria da recepção na Unimar. “Hoje eu relembrei da época em que eu era estudante, os universitários brasileiros são fervorosos e bem esforçados. Já fiz estágio na Austrália e conheço outros países, mas me senti diferente e bem acolhido, principalmente em Marília. Como o secretário de Educação falou anteriormente, ele também vai se esforçar para que possa levar a solicitação dos alunos e tentar realizar o intercâmbio entre as Universidades”, relatou.

Para o Supervisor dos Professores da Secretaria de Educação da Prefeitura de Izumisano, Takashi Takeda, será uma honra estreitar laços com a Unimar. “Eu espero que possamos estreitar os laços de relacionamento com os acadêmicos da Unimar, porque é muito importante estabelecer relações na área educacional”, destaca.

Acompanhando a comitiva, estava o vereador de Marília e membro do Nikkey Clube, Élio Ajeka. Ele ressaltou que não tem como falar de educação superior, sem falar da Unimar. “Claro que tínhamos que trazê-los na Universidade de Marília, que é a mais completa e que tem um trabalho de excelência. Quando surgiu a possibilidade da comitiva vir à nossa cidade, eles pediram para que pudessem conhecer sobre o nosso ensino e, é claro, que nós trouxemos na Unimar, afinal de contas, é a Universidade que eles têm tudo para que eles entendam sobre a educação brasileira”, destaca.

Acadêmica da Unimar é a Miss Nikkey da 20ª edição do Japan Fest

A 20ª edição do Japan Fest contou com o tradicional concurso Miss Nikkey. O evento, que reuniu treze belas candidatas descendentes de japoneses da região, consagrou a acadêmica do curso de Medicina da Unimar, Rafaela Mino Ribeiro, como a vencedora.

Rafaela Mino Ribeiro representará Marília na grande final do Miss Nikkey Brasil e Miss Nikkey São Paulo, que acontece no palco do 24°Festival do Japão, em julho deste ano, na capital paulista. O concurso Miss Nikkey além de destacar a beleza das descendentes de japoneses, promove a integração entre as comunidades e a valorização da diversidade cultural.

Comitiva japonesa fez questão de conhecer a Unimar

93 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page