top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Morre uma das professoras atacadas por aluno de 13 anos com faca, em escola de São Paulo


Morreu uma das professoras atacadas por um aluno de 13 anos, da oitava série, por volta das 7h20 da manhã desta segunda-feira (27), em uma escola na zona sul de São Paulo. A professora Elisabete Tenreiro, que foi a óbito tinha 71 anos. Ela recebeu várias facadas nas costas e teve duas paradas cardíacas durante o ataque.

Outras duas professoras e um aluno foram esfaqueados dentro da Escola Estadual Thomazia Montoro, na Vila Sônia, em São Paulo, segundo a Polícia Militar e seguem internados. Uma professora de educação física imobilizou o aluno agressor até a chegada da polícia.

Inicialmente, a polícia havia informado que dois alunos tinham sido atingidos. Um deles, porém, foi socorrido em estado de choque, mas sem ferimentos. A outra criança ferida sofreu um corte no braço e foi levada a um hospital da região. Uma das professoras foi levada para o Hospital das Clínicas e o outra para o Hospital Bandeirantes. A terceira sofreu parada cardiorrespiratória e foi socorrida pelo Helicóptero Águia, da Polícia Militar. O governador de São Paulo, que cumpre agenda fora do país, lamentou por meio das redes sociais "Não tenho palavras para expressar a minha tristeza", escreveu ele. Foi decretado luto de três dias no Estado, pela morte da professora. Ainda de acordo com a PM, o agressor foi contido pelos policiais e levado para o 34° DP, onde o caso será registrado. Ele relatou que pretendia repetir uma massacre ocorrido em escola nos Estados Unidos. No twiter, o aluno avisou sobre o ataque e que queria ao menos uma pessoa morta.




162 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page