Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Motoboy observa motorista embriagado, aciona a polícia e acaba atropelado e morto pelo veículo


Um jovem de 20 anos foi atingido na região central de Santa Cruz do Rio Pardo (119 quilômetros de Marília) e teve a motocicleta arrastada por cerca de 30 metros. Morreu no local. Motorista do GM Corsa foi preso e indiciado por homicídio culposo (quando não há intenção de matar).

O acidente ocrreu na noite de sábado (2). Segundo informações do boletim de ocorrência, Breno Henrique de Carvalho, de 20 anos, foi arrastado após o carro bater na traseira da moto em que ele estava. O irmão da vítima, que estava ao lado em outra moto, contou à polícia que ambos notaram a presença de um motorista embriagado parado na Rua Farmacêutico Alziro Souza Santos e resolveram denunciar o caso à Polícia Militar pelo telefone 190. Neste momento, segundo relato da testemunha, o motorista ligou o veículo e partiu para cima deles, atingindo a moto em que Breno estava. O motorista ainda atingiu um ônibus e uma placa de sinalização na rua. O homem fugiu do local, mas retornou ao local do acidente minutos depois e foi detido pela polícia. O motorista, segundo a PM, estava visivelmente embriagado e com uma lesão no queixo. Ele foi encaminhado e atendido na UPA de Ourinhos, onde foi medicado e liberado. Na UPA, um exame clínico confirmou a embriaguez. A PM também fez um auto de infração porque o veículo estava com o pneu traseiro com desgaste acima do permitido e com o estepe vazio. A Perícia Técnica esteve no local do acidente e o corpo do jovem foi levado para o Instituto Médico Legal (IML). O motorista foi preso em flagrante e apresentado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Ourinhos, onde foi indiciado por homicídio culposo e embriaguez ao volante. Ele ficou à disposição da Justiça.



87 visualizações0 comentário