Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Mulheres perdem dinheiro em golpes de whatsapp e falsas agentes da Sucen, em Marília


Ao tentar evitar uma transferência bancária de R$ 1,9 mil recebendo "orientações" via whatsapp, uma mulher de 48 anos perdeu mais de R$ 5,6 mil em dinheiro, em Marília.

Ela relatou na polícia que recebeu uma mensagem de texto no aparelho celular informando sobre o agendamento de uma transferência e que caso não quisesse que fosse efetuada que entrasse em contato com o telefone 0800 do Banco Mercantil. Seguindo as orientações dos golpistas, a mulher ligou para o número informado na mensagem de texto e pensou estar tratando com atendente do banco, inclusive a digitar a senha de acesso à conta. Após encerrar a ligação, a mulher notou que haviam sido feitos empréstimos e transferências bancárias que ultrapassavam o valor de R$ 5,6 mil. Em seguida ela procurou a CPJ e relatou o ocorrido, que será investigado pela Policia Civil.

IDOSA CAIU EM OUTRO GOLPE

Já na Zona Norte de Marília, uma idosa de 82 anos teve R$ 400 furtados por dias moças que adentraram a casa dela se passando por agentes da Sucen (Superintendência de Controle de Endemias).

As larápias foram até residência na Rua Emílio Paduam e informaram a idosa que precisavam checar o quintal do imóvel para controle da Dengue. Além do quintal, as golpistas "vistoriaram" alguns cômodos da casa e furtaram o dinheiro.

Após a saída delas, que aparentavam cerca de 20 anos, a idoso notou o sumiço da grana e acionou a polícia. Câmeras de segurança de um bar flagraram as golpistas e devem auxiliar nas investigações.




71 visualizações0 comentário