top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

ONG Spaddes resgata cachorrinha em situação de maus-tratos e vai pedir prisão dos responsáveis


A ONG Spaddes (Proteção Animal) de Marília, após denúncia anônima em um grupo de proteção aos animais no WhatsApp, teve conhecimento sobre a situação de uma cachorrinha que estaria em situação de maus-tratos no município de Gália (a 50 quilômetros de Marília).

Representantes da ONG e equipe médica veterinária estiveram na residência indicada, na Rua Ayda Baganha Ferreira, naquela cidade. No local a equipe não localizou nenhum morador ou proprietário do imóvel. Foi feito contato com o delegado responsável pelo plantão policial, que autorizou a retirada do animal do local.

A cachorrinha estava no fundo da residência em um local insalubre, cheio de fezes e urina, infestada de pulgas e carrapatos, caquética e sendo alimentada por vizinhos.

A cachorrinha foi recolhida do local e encaminhada para uma clínica veterinária na cidade de Garça, onde passou por diversos exames que apontaram uma série de alterações, como anemia grave e leucocitose com monocitose e neutrofilia. O quadro do animal é considerado grave e caso ele não responda aos medicamentos, terá que passar por uma transfusão sanguínea.

Foi elaborado um boletim de ocorrência pelo crime de maus-tratos. O médico veterinário Ariadno Turatti que esteve no local atestou as péssimas condições que o animal foi encontrado. A ONG Spaddes vai pedir na justiça a prisão preventiva do dono da cachorrinha.





47 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page