Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Padre e freira morrem pela Covid-19, na região


O padre Sebastião, que atuou por muitos anos em Laranjal Paulista, estava como pároco no Santuário Nossa Senhora das Dores em Avaré / Foto: Foto Cardia/Facebook


A Arquidiocese Sant' Ana de Botucatu informou e lamentou, por meio de suas redes sociais, neste domingo (31), a morte de dois religiosos integrantes da circunscrição por Covid-19. O padre Sebastião dos Santos tinha 48 anos e atuava como pároco do Santuário Nossa Senhora das Dores, em Avaré. Também estava internada e não resistiu às complicações da doença a irmã Maria Aparecida de Oliveira, que tinha 97 anos e era religiosa da Congregação Servas dos Senhor, entidade de Botucatu que registrou surto da Covid-19 nos últimos dias conforme o JC noticiou.

Os sepultamentos do padre e da freira ocorreram neste domingo (31) e as cerimônias foram restrita apenas aos familiares.

Irmã Maria era uma das onze infectadas pela doença no convento e estava entre as cinco que precisaram ser hospitalizadas. Não houve velório e seu corpo foi sepultado, na manhã de hoje (31), no Cemitério Portal das Cruzes, em Botucatu.

Já o corpo do padre Sebastião foi enterrado no cemitério municipal de Cerqueira César. Também não houve velório.

A Prefeitura de Laranjal Paulista, cidade em que padre atuou por quase oito anos, à frente da Paróquia São João Batista, decretou luto oficial de três dias pelo falecimento, como forma de homenagem ao desempenho e importante participação social que o religioso teve com a comunidade local.

A Arquidiocese de Botucatu também informou, por meio de suas redes sociais, na última sexta (29), que outros dois padres da circunscrição eclesiástica seguiam hospitalizados em razão da Covid-19: padre Luiz Alcione Grillo e padre Luiz Gustavo Faxina.

SURTO EM BOTUCATU

Conforme o JC noticiou, um surto de Covid-19 foi registrado, nesta semana, em um convento de freiras em Botucatu. A informação foi divulgada pelo secretário municipal de Saúde, André Spadaro, no fim da noite desta quinta-feira (28), durante boletim diário da doença. Uma das freiras está internada em estado gravíssimo, sedada e intubada. Neste sábado (30), a prefeitura fará coletiva para anunciar novo pacote emergencial de enfrentamento à pandemia.

Segundo o secretário, das 21 irmãs que vivem no convento, 11 testaram positivo para o novo coronavírus por meio de teste RT-PCR. A que segue em estado gravíssimo está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB).

Outras quatro moradoras do local foram encaminhadas ao Pronto-Socorro Adulto para atendimento médico. "Medidas de isolamento e cuidados médicos de enfermagem estão em andamento no local", diz o secretário, que faz um pedido para que os fiéis acompanhem missas e cultos pela Internet.

Nesta semana, o JC divulgou matéria sobre a decisão da Arquidiocese de Sant'Ana de suspender por duas semanas as missas presenciais na Catedral de Botucatu em razão do agravamento da pandemia na cidade. Nos últimos dias, três padres do município foram diagnosticados com Covid-19.

De acordo com boletim da Arquidiocese divulgado nesta quinta-feira, dois deles seguem internados na UTI do Hospital da Unimed, com quadro estável, e, o terceiro, se recupera em casa. Nesta sexta-feira (29), a taxa de ocupação dos leitos de UTI Covid no HCFMB era de 106% (além dos 30 leitos para a doença, outros dois foram disponibilizados pelo hospital).


296 visualizações0 comentário