top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Padre que atropelou ladrão muda para São Paulo. Acusado pega infecção hospitalar e estado é grave


Segue o rolo no caso do padre que atropelou um homem que furtou uma igreja em Santa Cruz do Rio Pardo (120 quilômetros de Marília). O caso ocorreu no dia 7 (sábado) à noite.

Após se apresentar no Fórum da cidade, na quarta-feira (11), o padre Gustavo Trindade dos Santos informou as autoridades que se mudou para São Paulo. Na quinta-feira (12), o delegado Valdir Alves de Oliveira voltou a pedir a prisão dele.

O primeiro pedido, de prisão preventiva, foi negado pela Justiça; agora o delegado justifica dizendo que o frei está dificultando as investigações por não ter ainda se apresentado à polícia.

O juiz Pedro de Castro e Sousa negou o pedido de prisão com o argumento de que, embora haja gravidade na conduta, a Justiça entende que o religioso não oferece risco, e que os advogados estão colaborando com as investigações. "Não há indícios de possível reiteração delitiva ou de que o investigado se furtará a aplicação da lei penal, sendo possível a sua manutenção em liberdade neste momento, com o consequente indeferimento do pleito policial", explicou o juiz em sua decisão.

O padre compareceu com 2 advogados ao Fórum de Santa Cruz para informar novo endereço residencial: o Convento Santo Alberto Magno em São Paulo-capital. Segundo o advogado de defesa, César Moreira, o cliente dele deve ser ouvido agora por carta precatória.

ESTADO GRAVE E INFECÇÃO HOSPITALAR

Enquanto isso, Ângelo Marcos dos Santos Nogueira, 40 anos, o ladrão, foi transferido da Santa Casa de Santa Cruz para Ourinhos. A advogada dele Melina Scucuglia, informou que ele pegou infecção hospitalar depois de

passar por cirurgia para descompressão craniana intubação. O acusado sofreu convulsões e está agitado, o que impossibilita a retirada da sedação. O estado de saúde é considerado delicado e grave.

Com prisão em flagrante pelo furto registrado por câmeras de monitoramento, Ângelo passará por audiência de custódia na Justiça assim que tiver alta do hospital.

Um vídeo mostra Ângelo entrando no interior da casa paroquial. Durante a ação, é possível ver que ele circula sozinho pela secretaria da igreja procurando por algo (assista acima). Após mexer nas gavetas e circular pela área, ele se dirige a um cesto, no qual se encontram algumas roupas. O suspeito remexe em várias peças, quando decide levar algumas e foge do local. Segundo o boletim de ocorrência, o atropelado furtou três moletons e uma camiseta. Em outras imagens de câmeras de segurança, também reveladas na sexta, é possível ver a fuga de Ângelo por um outro ângulo. Ele corre pela rua, quando o carro da casa paroquial, sob direção do padre Gustavo, vira a esquina, persegue Ângelo, entra na calçada e o atinge. Após prensar o ladrão contra a vitrine de uma loja de tintas, o padre retorna à via e sai em disparada do local. Nas imagens, é possível ver parte da lateral dianteira do carro danificada.



56 visualizações0 comentário
bottom of page