top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

REGIONALIZAÇÃO DA SAÚDE: Deputada Dani Alonso traz o secretário estadual da Saúde a Marília


O secretário estadual da Saúde, Eleuses Paiva, estará em Marília na próxima terça-feira (30) para tratar com gestores e autoridades do setor sobre o programa de Regionalização da Saúde (Macrorregional de Marília), proposto pelo governador Tarcísio de Freitas.

O anúncio do evento, denominado "Oficina de Regionalização da Saúde", foi feito ao JORNAL DO POVO nesta sexta-feira (26) pela deputada estadual Dani Alonso (PL). Ela integra a Comissão de Saúde, uma das mais importantes na Assembleia Legislativa do Estado e voltada ao segundo maior orçamento do Governo do estado.

"O governador Tarcísio de Freitas está inovando a gestão no Governo do Estado e esses processo passa também pela área da saúde. O principal objetivo do Programa de Regionalização da Saúde é reduzir as desigualdades e aumentar a eficiência do gasto público, além de ampliar a oferta de serviços e reduzir as filas e a distância que as pessoas precisam percorrer para conseguir atendimento", explicou a deputada.

"E como inovação, será um marco, transformando e acompanhando de perto o sistema, com total transparência. O foco é reduzir as filas. Em conversas com o governador e o secretário Eleuses, pedimos para que Marília e consequentemente nossa região fossem incluídas nesse processo que trará grandes benefícios e eficiência no atendimento à população que usa e depende do SUS, distribuindo melhor os espaços e equipes de atendimento à saúde", afirmou Dani Alonso.

A Regionalização da Saúde vai implantar um sistema onde os ambulatórios médicos de especialidades e hospitais estaduais se adequem às necessidades regionais, tornando realidade o princípio da descentralização do sistema de saúde.

Também visa criar a possibilidade de revisão do papel dos hospitais de pequeno porte (com 50 leitos ou menos) para que passem a contribuir de forma efetiva, de modo que a rede regional possa assegurar à população o acesso a serviços de saúde em momento oportuno e com qualidade. Nesse processo, os Departamentos Regionais de Saúde (DRSs) passam a exercer um papel estratégico de articulação regional com os municípios em busca da construção de uma rede de serviços.

Atualmente, a Secretaria Estadual de Saúde conta com 17 DRSs distribuídas em todo o território paulista, responsáveis por centralizar, organizar e viabilizar o acesso à saúde pública. A medida prevê a unificação dos serviços de saúde por meio da Central Regional de Regulação, que deverá ser gerenciada de modo compartilhado entre o Estado e os municípios integrantes das respectivas Redes Regionais de Atenção à Saúde (RRAS).

O Programa de Regionalização da Saúde do Estado de São Paulo conta com a parceria do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems-SP) e o apoio da OPAS, com a qual foi assinada a Carta de Cooperação Mútua para a qualificação e fortalecimento da gestão estadual do Sistema Único de Saúde (SUS) do Estado de São Paulo.

A parceria propõe buscar formas de entrosamento entre si, visando criar, estabelecer e dinamizar redes ou canais permanentes entre seus quadros funcionais de forma a assegurar a cooperação.

No encontro em Marília, o secretário Eleuses Paiva estará acompanhado do presidente

do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde (Cosems-SP), Geraldo Reple Sobrinho e do Consultor da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), Renilsomn Rehem. O evento será a partir das 8h30 no auditório do Alves Hotel.

Deputada estadual Dani Alonso e o deputado federal Capitão Augusto com

diretores da Santa Casa de Marília

SANTA CASA DE MARÍLIA

Dani Alonso visitou a Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Marília juntamente com o deputado federal Capitão Augusto (PL) e expressou seu apoio e compromisso com a saúde pública da região.

Como resultado dessa visita e do empenho da deputada, foi publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (25) a indicação nº 1.696/2023, de sua autoria, sugerindo ao governador do Estado a adoção das medidas necessárias para a aquisição de um equipamento microscópio cirúrgico para a instituição de saúde.

A justificativa apresentada pela deputada se baseia no pedido da própria Santa Casa, que busca destinar o microscópio cirúrgico Tivato 700 para a realização de cirurgias neurológicas, coluna, otorrinolaringológicas, ortopédicas e reconstrutivas com cabeça ótica.

O equipamento vai permitir uma visualização precisa de estruturas extremamente pequenas, como o cérebro, vasos sanguíneos, medula e nervos, proporcionando aos cirurgiões maior agilidade e confiabilidade nos procedimentos, graças à alta resolução de imagem e tecnologia 4K.

A indicação da deputada Dani Alonso destaca a importância desse equipamento para aprimorar os procedimentos cirúrgicos realizados na Santa Casa de Misericórdia de Marília, melhorando a qualidade do atendimento prestado aos pacientes. A iniciativa também demonstra o compromisso da parlamentar em apoiar e fortalecer a área da saúde em sua região de atuação.

Além da publicação da indicação no Diário Oficial, também foi oficiado ao secretário competente a análise de uma possível doação do equipamento. Essa medida ressalta o esforço conjunto entre os poderes legislativo e executivo para atender às necessidades da Santa Casa de Marília.

AMPLIAÇÃO DA SAÚDE REGIONAL

A deputada Dani Alonso apresentou em reunião da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa, requerimento pedindo a ativação de mais leitos para o Hospital das Clínicas de Bauru. "Um hospital que atende, além de Bauru, 68 municípios da região. Investir na saúde regional, é ajudar todos os municípios do Oeste Paulista. Cidades com melhor estrutura hospitalar, evitam sobrecarregar outras cidades, além de ampliar as oportunidades de atendimento da população em várias especialidades médicas", explicou.

226 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page