Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Secretaria afasta e polícia investiga professor acusado de assediar alunas em escola da região


A secretaria estadual da Educação afastou nesta segunda-feira (14), um professor acusado de assediar duas alunas que estudam em uma escola estadual de Bauru.

Em nota, a Secretaria informou que, assim que tomou conhecimento do fato, a supervisão da escola iniciou apuração preliminar e determinou o afastamento imediato do professor, que segue sem dar aulas na unidade. A nota reforça ainda que a "Secretaria da Educação do Estado não compactua com situações de violência de qualquer espécie, dentro ou fora do ambiente escolar". Explicou no comunicado que os responsáveis pelas alunas foram chamados e registraram boletim de ocorrência. Com isso, a Polícia Civil também vai investigar o caso. A denúncia também foi registrada no Conviva, um programa da Secretaria que identifica vulnerabilidades de cada unidade escolar para a implementação de planos de melhoria da convivência. Nesta segunda-feira, a equipe gestora da unidade realizou uma assembleia com os alunos para ouvi-los e esclarecer quais foram os procedimentos adotados até o momento.





89 visualizações0 comentário