top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Segue foragido ex-presidiário que matou companheira a facadas, na região


Segue foragido o ex-presidiário N.L.S, de 35 anos (só as iniciais foram divulgadas pela polícia), que matou a facadas Elizângela Irene da Silva, de 41 anos, em Guaiçara. A mulher foi localizada com diversas perfurações pelo corpo.

Por volta das 20h da quinta-feira uma equipe da PM chegou ao local do crime, na Rua Marechal Deodoro, no centro de Guaiçara, após a vítima ter sido encontrada no quintal de casa por dois de seus filhos, de 7 e 8 anos.

Outro filho da vítima, de 21 anos, recebeu os policiais e a mulher foi encontrada caída no chão do quintal. Ele disse que não presenciou o crime e só chegou ao local após saber que a mãe havia morrido.

Durante o atendimento policial, havia uma ambulância municipal no local e a vítima foi levada para a Santa Casa de Lins pelo Corpo de Bombeiros, onde a morte foi confirmada.

O ex-companheiro da vítima, que é pai do filho de 21 anos e vizinho dela, disse que viu o suspeito de feminicídio deixando a casa onde houve o assassinato. O suspeito do crime era o atual companheiro dela, que deixou a cadeia no ano passado, segundo a Polícia Civil.

O vizinho e ex-companheiro disse ainda que soube do crime pelas crianças de 7 e 8 anos, que chegaram até sua casa dizendo que a mãe havia sido morta pelo suspeito.

Ele contou que abrigou os filhos da vítima dentro de sua casa, que foi trancada até a chegada da PM por medo de que o autor do feminicídio retornasse.

Até a tarde desta sexta-feira, o suspeito ainda não havia sido preso e passou a ser considerado foragido.



39 visualizações0 comentário
bottom of page