Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Servidores fazem manifestação na porta da Prefeitura. Novas negociações acontecem hoje


Grupo de servidores públicos municipais segue com manifestação na porta da Prefeitura de Marília na manhã desta sexta-feira (1°), inclusive batendo panelas e gritando palavras de ordem.

Uma nova reunião entre as partes está prevista para as 17h de hoje. Após, o encontro, o Sindicato da categoria fará assembleia no mesmo local para definir sobre os rumos do movimento.

A Prefeitura consiera a paralisação ilegal, com base em liminar concedida pelo Tribunal de Justiça impedindo a greve, prevendo inclusive multa de R$ 10 mil por dia ao Sindicato em caso de descumprimento.

O Sindicato aponta que a liminar "caiu" após audiência de tentativa de conciliação intermediada pelo TJ nesta quinta-feira (31).

PROPOSTAS REJEITADAS

Na segunda-feira passada, o prefeito Daniel Alonso (que não participou da audiência de conciliação, hoje) e secretários se reuniram com representantes do Sindicato e anunciaram proposta de 3% de reajuste salarial e aumento de R$ 100 no vale alimentação.

Em assembleia, os servidores recusaram as propostas da Prefeitura e o sindicato "atualizou" reivindicações de 23% de reajuste nos salários e vale alimentação de R$ 713.





79 visualizações0 comentário