Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Servidores municipais rejeitam proposta da Prefeitura e anunciam greve a partir de sexta-feira


"Os servidores estão completamente insatisfeitos". Com esta definição, a presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, Vanilda Lima, analisou a decisão de assembleia da categoria realizada nesta terça-feira (29), pela greve por tempo indeterminado a partir da próxima sexta-feira (1°).

A sindicalista disse que os servidores não aceitam a proposta do prefeito Daniel Alonso (PSDB), feita ontem (28), de 3% de reajuste salarial e aumento de R$ 100 no vale alimentação, que passaria de R$ 420 para R$ 520.

O Sindicato definiu na assembleia de hoje que as reivindicações serão 23% de reajuste salarial e vale alimentação de R$ 713 para servidores da ativa, aposentados e pensionistas do Ipremm.

Centenas de servidores passaram o dia em frente o Paço Municipal, com caminhão de som, cantorias, discursos e faixas. "Passamos um dia de muita luta e resistência", disse Vanilda. O prefeito Daniel Alonso viajou hoje para São Paulo e deve retornar na próxima sexta-feira.






206 visualizações1 comentário