Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Sindicato pede intervenção de vereadores para levar pauta salarial ao prefeito Daniel Alonso


Após reuniões que deram em nada com o vice-prefeito Cícero do Ceasa (PL), diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais recorreu a vereadores para tentar entregar a pauta de reivindicações salariais e benefícios ao prefeito Daniel Alonso (PSDB).

Nesta segunda-feira (7) houve reunião com os vereadores Junior Moraes (PL), Rogerinho (PP) e professora Daniela D’Ávila (PL). O trio recebeu a missão de sentar com o prefeito para tratar sobre as demandas dos servidores municipais.

A vereadora Daniela destacou a conduta da diretoria do Sindicato na busca do diálogo e a melhor saída para atender os interesses dos trabalhadores, respeitando as limitações da administração. Na sessão desta segunda-feira ela observou um cartaz do Sindicato no plenário, com os dizeres "2% não!" e sugeriu que o texto mudasse para "Menos 1%, não", referindo-se à proposta do prefeito Daniel Alonso, no ano passado, projetando aumento salarial de 2% e ao mesmo tempo reajustou a contribuição previdenciária da categoria (Ipremm) de 11% para 14%.

A presidenta da entidade, Vanilda de Lima, ressaltou a receptividade dos parlamentares. “Foi uma reunião bastante produtiva e esperamos que possa se traduzir em benefícios para os servidores”, destacou.

A categoria pede reposição salartial de 43,95% e equiparação do vale alimentação dos servidores da Prefeitura (cerca de R$ 450) com o mesmo benfício pago aos servidores da Câmara Municipal (aproximadamente R$ 1 mil).



218 visualizações0 comentário