top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

CLIMA TENSO: Entrevero em escola no Distrito de Nóbrega, nesta quinta-feira


Escola Estadual na tarde desta quinta-feira, em Padre Nóbrega

Um indivíduo teria tentado invadir a Escola Estadual "Maria Izabel Sampaio Vidal", no Distrito de Padre Nóbrega, zona norte de Marília, no início da tarde desta quinta-feira (13), conforme relatos de moradores da localidade. A Polícia Militar foi acionada, mas quando chegou no local o eventual suspeito já havia se evadido. Houve relatos de briga entre o indivíduo (que não estuda no local) e um aluno.

Por precaução e pelo clima gerado pelo entrevero na entrada da escola, as atividades tiveram atrasos e alunos deixaram as aulas. A Escola atende cerca de 600 alunos nos ensinos fundamental e médio.

Houve um clima de apreensão e alguns pais foram buscar seus filhos na Escola. Na esteira da situação, pais também foram buscar crianças na Emei Branca de Neve, que funciona no Distrito. A direção da Emei informou que não houve dispensa de alunos e que presença da Polícia Militar na porta da Escola Estadual gerou alguns mal-entendidos, sem prejuízos às atividades da Creche.


A DIREÇÃO DA EMEI BRANCA DE NEVE TAMBÉM ESCLARECEU O EPISÓDIO:

Famílias, boa tarde! Vimos por meio desta, esclarecer que, a notícia divulgada há pouco, pela fonte de comunicação "Jornal do Povo", sobre possível ameaça de invasão e dispensa dos alunos da EMEI Branca de Neve, não condiz com a realidade. Tudo não passou de um mal entendido. Fiquem tranquilos, não houve nenhuma intercorrência que prejudicasse nosso atendimento e atividades. Estamos atendendo normalmente, tomando todas as medidas de segurança que nos cabe.

Agradecemos a compreensão de todos. Atenciosamente Direção.


NOTA DA REDAÇÃO: As primeiras informações recebidas pela redação do JORNAL DO POVO sobre o episódio acima, enviadas por moradores da localidade, foram sendo gradativamente atualizadas de acordo com as informações oficiais recebidas.

No primeiro momento, o foco da informação foi no sentido de que não houve invasão na Escola Estadual, a Polícia Militar já havia estado presente no local e sem maiores consequências. De fato, alguns pais buscaram seus filhos nas escolas, ao observarem a presença da Polícia Militar.

A editoria do JORNAL DO POVO agradece a colaboração de todos!


4.500 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page