Buscar
  • J. POVO- MARÍLIA

Tucanos querem anular decisão de dirigente do partido e derrubar Nascimento da cadeira na Câmara


Eduardo Nascimento e Daniel Alonso: novo rolo envolve disputa pela cadeira na Câmara

No mais novo capítulo do balaio de gatos que virou a briga do vereador Eduardo Nascimento (PSDB) com o prefeito Daniel Alonso (PSDB) e assessores do alto escalão da Prefeitura, esses últimos querem derrubar o parlamentar e colocar o suplente na cadeira dele na Câmara.

Em agosto do ano passado, Nascimento ajuizou ação na Justiça Eleitoral requerendo sua desfiliação do PSDB por justa causa, alegando "constrangimento e perseguição" dos tucanos que habitam a Prefeitura.

O presidente local da Executiva do PSDB, Matheus Panssonato, que é funcionário da TV Câmara, foi citado na ação e concordou monocraticamente com o pedido.

Isso provocou descontentamento de membros da Executiva, que se reuniram no úlitmo dia 3 e elaboraram um documento e ata onde concordam com a desfiliação de Nascimento, mas sem reconhecimento de justa causa, o que acarretaria ao vereador a perda da cadeira no Legislativo.

Além disso, decidiram pela anulação da decisão monocrática de Panssonato, que esteve presente no encontro.

Trecho da ata da reunião dos tucanos da Executiva local

Participaram da reunião da Executiva, entre outros, os ex-vereadores Valter Cavina e Elias Leonel, José Martins Filho, Fabiano Daquino, Marcos Mesquita Serva Expressão, Rita Sartori e a atual secretária da Assistência Social, Wânia Lombardi. O prefeito Daniel Alonso e o ex-vereador José Carlos Albuquerque também estiveram presentes na reunião, além do atual secretário municipal de Direitos Humanos, vereador não reeleito em 2020, delegado aposentado Wilson Damasceno. Ele se manifestou contrário à decisão monocrática de Panssonato. Damasceno é primeiro suplente do PSDB, ou seja, se Nascimento rodar, ele assume a cadeira na Câmara.

Cavina, conforme a ata da reunião, disse que "se assustou" por Matheus ter declarado apoio a Nascimento ao concordar com as alegações de perseguição do vereador.

No resumo da Ata, ficou decidido em votação que a maioria dos membros da Executiva concordam com o pedido de desfiliação de Nascimento, mas sem justa causa. Também decidiram que sobre a questão ficou nomeado José Martins Filho para responder pelo assunto, inclusive em termos judiciais.

Isso porque Nascimento já havia requerido à Justiça Eleitoral sua desfiliação por justa causa, em agosto passado, sendo que Pansonato foi citado na ação no início de dezembro, se manifestou favoralmente à mesma e ficou de bico calado. Os tucanos da Executiva só ficaram sabendo disso no final do ano.

Ação onde Nascimento pediu desfiliação do PSDB por justa causa

Panssonato foi intimado, concordou com as alegações de Nascimento e ficou de bico calado. Agora, Executiva do PSDB quer anular decisão monocrática dele

DENÚNCIAS, ACUSAÇÕES, SINDICÂNCIA...

A motivação alegada pelos tucanos que decidiram pela desfiliação sem justa causa de Nascimento, é infidelidade de Nascimento, que logo após tomar posse na Câmara virou ferrenho adversário do prefeito e seu alto clero.

Os ácidos discursos e pesadas denúncias de Nascimento, envolvendo inclusive patrimônios pessoais de seus alvos, vêm depenando o sossego dos tucanos que habitam a Prefeitura.

O ano passado foi marcado por troca de chumbo entre os envolvidos, com o prefeito exonerando oito ocupantes de cargos comissionados (inclusive o então secretário Badinho) na secretaria municipal de Esportes. Todos eram ligados ao vereador.

Além disso, Alonso e seu alto clero, como o chefe de gabinete da Prefeitura, Márcio Spósito (classificado por Nascimento como "Tatu da Ilha da Fantasia"), determinaram a abertura de Sindicância para apurar denúncias de supostas irregularidades de Nascimento na secretaria de Esportes de 2017 a abril de 2020 (primeiro mandato do atual prefeito).

Nessa mesma toada, Alonso determinou a contratação de empresa de auditoria para auxiliar na devassa nas contas do ex-secretário. O Edital nesse sentido foi aberto, mas está suspenso por apontamento de uma das empresas concorrentes.





373 visualizações0 comentário