top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Vereador Danilo da Saúde cobra "anúncio" de 448 casas populares para Marília, feito no ano passado


Cadê as 448 casas populares anunciadas pelo Governo do Estado para Marília, no ano passado? Esse é o questionamento do vereador Danilo da Saúde (PSB), na pauta da sessão camarária desta segunda-feira (11).

"Diversas são as cobranças da população que necessita de casa própria pelos programas sociais do Governo", justifica o vereador.

O convênio entre a Prefeitura de Marília e o Governo do Estado foi assinado no Palácio dos Bandeirantes em setembro do ano passado e até hoje nada saiu do papel.

O tal convênio previa a construção de 300 apartamentos a “preço social” e 148 unidades de “casas apoio”. As 448 unidades teriam subsídio conjunto do Governo Estadual e a da Prefeitura de Marília.

"Foi anunciada até a reserva de área para construção das tais 448 novas habitações populares em Marília, mas até agora esse benefício para a população de baixa renda ficou só na promessa. Por isso, queremos informações sobre o anúncio", disse Danilo da Saúde.

Após o anúncio das casas, o prefeito Daniel Alonso (PSDB), o deputado Vinícius Camarinha (PSDB),o presidente da Câmara,Marcos Rezende (PSD) e outros políticos disputaram a "paternidade da conquista".




44 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page