top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Vereador e ex-secretário Nechar detona situação das unidades de saúde: "falta de humanidade"


O vereador e ex-secretário municipal da Saúde, Sérgio Nechar (PSB), criticou duramente na sessão camarária desta segunda-feira (20), a situação de estrutura e atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Postos de Saúde da Família (PSFs) em Marília.

"Não temos um pingo de manutenção... A maioria das UBSs e dos PSFs estão sucateados, sem manutenção, reforma e revitalização... Nós aprovamos aqui, há uns dias atrás, R$ 7,2 milhões para a saúde. Eu espero que o nosso prefeito, através desses milhões que nós conseguimos aprovar aqui, consiga fazer essas reformas, que há 17 anos não se faz", disse Nechar, ao discursar sobre um requerimento dele nesse sentido.

"Isso é uma falta de humanidade. Eu acho que essas questões deveriam ser prioridades. Hoje, o indivíduo chega em uma unidade básica de saúde, além de ele estar um pouco mal atendido, ele prefere ir na UPA e lá fica aquela confusão, todo mundo na UPA querendo ser atendido", afirmou.

Nechar disse ainda que "as pessoas que deveriam ter uma atenção primária decente não vão nas atenções primárias (UBSs e PSFs) e se dirigem na UPA e o P.A da Zona Sul, "que ficam abarrotados... A população ficou viciada ou dirigida para a UPA ou para o PA, porque lá á aberto e tem gente para atender. Ao passo em que se ele chegar na UBS depois das 16 horas não tem mais nada".

Nechar disse que também fez reivindicações ao prefeito Daniel Alonso (PL) quando esteve como secretário municipal da Saúde. Ele assumiu a pasta em junho do ano passado e deixou o cargo para assumir.

"Enquanto não houver uma reformulação geral vamos ter esses acúmulos de pessoas na UPA e P.A da Zona Sul. Isso foi uma reivindicação que a gente fez ainda quando secretário da saúde, para que o prefeito olhasse um pouquinho para a saúde", afirmou o vereador.








448 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page