top of page
Buscar
  • Foto do escritor J. POVO- MARÍLIA

Vereador Rogerinho volta a cobrar implantação do SUS Animal em Marília


A Câmara de Marília aprovou na sessão desta segunda-feira (6), Requerimento do vereador Rogerinho (Progressistas), cobrando da Prefeitura informações sobre a implantação do SUS Animal em Marília, para atendimentos de emergência destinados a tutores de animais de baixa renda, com a cobrança apenas de uma taxa social. O Requerimento é direcionado ao prefeito, Daniel Alonso e ao secretário de Meio Ambiente, Vanderlei Dolce.

O serviço já foi aprovado pela Câmara através do Projeto de Lei 35/2021, também de autoria de Rogerinho, com o objetivo de proceder o atendimento ambulatorial com plantonistas, serviço móvel de atendimento de primeiros socorros, bem como, coibir maus tratos aos animais, dentre outros serviços de promoção e garantia da qualidade de vida e saúde animal.

"Trata-se de um anseio da população, especialmente de donos e cuidadores de animais. O SUS animal funcionará como um apoio essencial para assistência a preço social. Nesse sentido voltamos a cobrar esse serviço e esperamos que a Prefeitura agilize a implantação do mesmo", explicou Rogerinho.

Paralelamente ao SUS Animal, deverá funcionar o Pronto-Socorro Veterinário para atender animais de pequeno, médio e grande portes, acidentados e em situações de urgência e emergência. Além disso, pela proposta, viaturas, central telefônica e equipe de plantonistas com médico veterinário, auxiliar e motorista deverão ficar disponíveis para auxiliar nos atendimentos.

"Muitas pessoas não têm condições de arcar com esses custos quando necessitam socorrer, tratar e de cuidados clínicos com seus animais. Com o Pronto-Socorro Veterinário Municipal, poderá haver esses atendimentos", explicou Rogerinho ao JORNAL DO POVO.







33 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page